sexta-feira, 24 de Junho de 2016 15:54h Site Oficial do Cruzeiro

Atacante Rafael Sóbis é o novo reforço do Maior de Minas

O Cruzeiro acertou, no início da noite desta quinta-feira, a contratação do atacante Rafael Sóbis, que pertencia ao Tigres, do México. O novo reforço assinará contrato de três anos com o Time do Povo

Os detalhes da contratação serão informados pela diretoria na apresentação do atleta na Toca da Raposa II, que ainda será marcada. Rafael Sóbis é o 13º reforço celeste para a temporada e chega para disputar o Campeonato Brasileiro e a Copa do Brasil.

Rafael Sóbis tem passagens pela seleção sub-20 e sub-23, além da profissional, entre 2006 e 2008. Foram 31 jogos pelo Brasil nas três categorias e sete gols marcados, além da medalha de bronze dos Jogos Olímpicos de 2008. Na sua carreira, Sóbis jogou pelo Internacional, Real Bétis, Al-Jazira, Fluminense e Tigres.

O novo reforço conquistou a Copa Libertadores de 2006 e 2010 pelo Internacional, além dos gaúchos de 2004, 2005 e 2011. No Fluminense, o atacante venceu os campeonatos Brasileiro e Carioca, ambos em 2012. No Tigres, último clube do atleta, Sóbis conquistou o Apertura de 2015.

 

 

Numeração definida: Rafael Sóbis usará a 7 e Ramón Ábila vestirá a 50

 

 

A diretoria de futebol do Maior de Minas definiu nesta sexta-feira a numeração dos mais novos integrantes do elenco cruzeirense. Ramón Ábila, anunciado como reforço na última quarta-feira, vestirá a camisa de número 50, enquanto Rafael Sóbis, que teve sua contratação divulgada na noite de quinta-feira, usará a 7, que pertencia a Sánchez Miño.

 

O atacante argentino, de 26 anos, chega ao Clube Azul depois de ter uma passagem vitoriosa pelo Huracá-ARG, onde conquistou a Copa Argentina e a Supercopa Argentina. Já o artilheiro brasileiro defendia as cores do Tigres-MEX, agremiação pela qual se consagrou campeão mexicano e vice-campeão da Copa Libertadores, em 2015.

 

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.