quinta-feira, 6 de Setembro de 2012 14:28h Luciano Eurides

Atletas cada vez mais velozes na natação

A prova dos 50 metros livre é a mais rápida na natação e os números dos atletas da cidade de Divinópolis estão cada vez mais velozes. Na disputa do 4º Torneio de Natação foi um festival de melhoras nos tempos.

A prova dos 50 metros livre é a mais rápida na natação e os números dos atletas da cidade de Divinópolis estão cada vez mais velozes.  Na disputa do 4º Torneio de Natação foi um festival de melhoras nos tempos.

 


No feminino Laura Gabrielle de Oliveira, Mirim II, do Centro Esportivo Olímpico/Divinópolis Tênis Clube (CEO/DTC), melhorou o tempo em 1s14, já Isabela Guimarães Sader, infantil 1, do Estrela do Oeste Clube (EOC) havia nadado em 34s58, no regional fez em 34s10. Isabela Batista Santos, do Divinópolis Clube também melhorou a própria marca. Da mesma forma a atleta Bárbara Franco Camargo, juvenil 2, do CEO/DTC.

 


Entre os garotos, Pedro Henrique Oliveira, Petiz 1 do EOC melhorou o tempo em dois segundos.  No Petiz 2 foi Pedro Henrique Souza do EOC, baixou de 41s16 para 38s62. No infantil 2, João Vitor Martins, do EOC,saiu dos 31s35 para os novos 30s51 e Matheus Vasconcelos Ribeiro dos 31s59 para os 30s96.

 


O atleta Victor Augusto Vecchi, juvenil 1 do EOC também melhorou timidamente o tempo dele de 30s77 para 30s12. No juvenil 2, Hyago Xavier Carrilho, do CEO/DTC também manteve o tempo, saiu dos 28s60 para 28s33, o mesmo aconteceu com Lucas Alecsander Faria deixou os 28s58 para 28s55 e no junior 1, João Paulo Faria Lima, do CEO/DTC saiu 26s67 e  nadou em 26s59. Gabriel Couto Assunção, também do CEO/DTC teve uma melhora considerável na parte física e no tempo também, embora. Ele no campeonato nadou em 33s85 e no regional 33s31. O atleta fala de metas bem possíveis. “Eu sou novo em competições, minha meta para o próximo regional não é muito ambiciosa,quero chegar aos 32 baixo e estou treinando pra isso.

 

Até o fim do ano espero estar bem melhor do que estou hoje em dia”, disse ele que ainda não se acostumou a fria piscina do DTC, mesmo com a melhora na temperatura ambiente. “A água está gelada, mas assim que acostumarmos novamente com a agua do DTC acredito que vai ser bem melhor pra  equipe, pois não temos de ficar nos desgastando muito para nos deslocar e acho que essa vai ser uma temporada muito boa, como foi a anterior”, declarou.

 


Outros atletas tiveram boas participações como Renato Assunção Guimarães, junior 2 do EOC com o tempo de 26s91, Jeferson Luciano Oliveira, sênior do EOC com o tempo de 26s78.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.