quinta-feira, 19 de Julho de 2012 11:29h Gazeta do Oeste

Atlético despacha o Internacional e segue na liderança

Com a vitória, o Galo segue isolado na ponta do Brasileirão, agora com 25 pontos. Foi o quinto triunfo seguido do time na competição. Na próxima rodada, o Alvinegro vai a Recife encarar o Sport.

Dever de casa bem feito. O Atlético espantou o incômodo tabu de nunca ter vendido o Internacional na era dos pontos corridos do Campeonato Brasileiro ao aplicar 3 a 1 nos gaúchos, na noite desta quarta-feira, no Independência.

 

Com a vitória, o Galo segue isolado na ponta do Brasileirão, agora com 25 pontos. Foi o quinto triunfo seguido do time na competição. Na próxima rodada, o Alvinegro vai a Recife encarar o Sport.

 

Empurrado pela massa

 

O desafio do Atlético, que mais uma vez contou com a força da torcida, foi furar o bloqueio colorado. O Internacional jogou praticamente toda a etapa na defesa, esperando o erro atleticano para tentar encaixar o contra-ataque.

 

Sem Jô, o Galo teve Guilherme no ataque. O time sentiu a falta de uma referência na área, mas ganhou em movimentação e distribuição das jogadas. Por duas vezes, levou perigo em chutes de fora da área. Aos 10 minutos, Danilinho tentou. Aos 15, foi a vez de Réver. Ambas defendidas por Muriel.

 

O melhor lance do Internacional foi aos 31 minutos, em um escanteio que a defesa não cortou e a bola passou na boca do gol.

 

Os gaúchos tiveram importante perda aos 37 minutos. D’Alessandro recebeu o cartão amarelo após falta em Leandro Donizete por trás. O meia peitou o árbitro Marcelo Aparecido de Souza, reclamou e foi expulso.

 

O Inter se fechou ainda mais. Com paciência, o Atlético achou uma brecha aos 45 minutos. Ronaldinho tocou na área para Guilherme, que chutou colocado. A bola bateu na trave, nas costas de Muriel e entrou: 1 a 0.

 

Na etapa final, o Galo ampliou aos 15 minutos, quando Danilinho mandou a bola na área, Leonardo Silva dominou e chutou forte: 2 a 0.

 

Depois disso, o Alvinegro diminuiu o ritmo. Guilherme caiu de produção e as trocas de bola não resultaram em bons lances de ataque.

 

O Internacional, na primeira finalização certeira, chegou ao gol. Aos 19 minutos, Fabrício cruzou e Fred cabeceou para as redes: 2 a 1.

 

Com mais atitude, o Colorado ameaçou, mas não teve sucesso. O Atlético manteve o controle e teve chance com Bernard, aos 34 minutos, mas Muriel defendeu. Mas foi aos 46 minutos que o time fechou o placar, em contra-ataque concluído por Escudero para as redes: 3 a 1.

 

 

 

 

 

 

SUPERESPORTES

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.