quarta-feira, 9 de Setembro de 2015 11:13h Atualizado em 9 de Setembro de 2015 às 11:16h.

Atlético encara o Avaí com um olho no clássico

Seis jogadores do Atlético estão com dois cartões amarelos e correm o risco de ficar fora do clássico contra o Cruzeiro, caso sejam advertidos diante do Avaí, nesta quarta-feira, no Independência

O volante Leandro Donizete, os laterais Marcos Rocha e Patric, os meias Cárdenas e Dátolo e o atacante Thiago Ribeiro vão para o confronto contra os catarinenses pendurados.
Vice-líder com 45 pontos, o Atlético precisa pontuar para não deixar o Corinthians disparar ainda mais na ponta. Por isso, o técnico Levir Culpi não deve poupar nenhum jogador diante do Avaí. “São pontos corridos, é degrau por degrau. Não dá para jogar contra o Cruzeiro, temos que pensar no Avaí antes. Vamos ver o que teremos de melhor. Estamos tranquilos com relação ao elenco, sem lesões”, afirmou Levir.
O lateral-direito Marcos Rocha sabe que o Atlético precisa melhorar o desempenho como mandante se quiser continuar na luta pelo título brasileiro. Após cumprir suspensão contra o Vasco, Rocha quer ajudar o Atlético a vencer o Avaí, nesta quarta-feira, no Independência. O Galo é apenas o quinto melhor mandante , com oito vitórias, um empate e três derrotas (69,4% aproveitamento).
Rocha prevê mais uma partida complicada. “O Avaí vive uma situação difícil, deve vir para jogar no nosso erro, então, será um jogo difícil, onde precisaremos ter bastante tranquilidade, tomar as decisões certas e pressionar, com todos se ajudando, para que a gente possa sair com os três pontos”, avaliou o lateral.
Vice-líder do Brasileirão, o Atlético precisa da vitória para não deixar o Corinthians ampliar a vantagem de cinco pontos. O time paulista, que tem 50 pontos, recebe o Grêmio no Itaquerão. “A gente tem que ir jogo a jogo. A gente sabe que eles têm uma vantagem de cinco pontos, uma vantagem boa, e temos que fazer nosso papel dentro e fora de casa, ter aquela torcida contra o Corinthians para que ele venha a tropeçar e a gente encostar ainda mais. Temos que tomar cuidado também porque o Grêmio vem logo atrás, com um ponto de diferença. Então, temos que pensar jogo a jogo, com tranquilidade, fazer nosso papel dentro de campo”, analisou o jogador.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.