Atlético vira sobre o Santos em noite épica no Mineirão.

Galo sai perdendo enquanto o Flamengo atropelava no Maraca, mas Nacho saiu do banco e comandou reação atleticana.

13 OUT 2021

CARLOS HENRIQUE MONTEIRO

Em uma noite de emoção no Mineirão, o Atlético virou o placar para cima do Santos e venceu por 3 a 1.  

Na primeira etapa, o jogo foi muito truncado, com o Santos recuado. Zaracho foi derrubado na área, onde a comentarista de arbitragem na TV Globo falou que foi pênalti, mas o árbitro não quis olha o VAR e não marcou. 

A melhor chance atleticana foi com Diego Costa, que recebeu um lançamento de Keno, matou no peito, mas não conseguiu chutar. 

Costa machucado, deu lugar à Eduardo Sasha, enquanto Borrero saiu para a entrada de Nacho. E foi o argentino que acabou decidindo a partida. 

Mas quem começou  melhor na etapa final foi o Santos, que abriu a contagem com Raniel, ex jogador do Cruzeiro. 

Em jogada com Calebe na área, o árbitro marcou pênalti. Nacho bateu e deixou tudo igual. 1x1. 

A virada veio em cobrança de falta do argentino, onde ele mandou na cabeça de Nathan Silva, para ele cabecear no canto de João Paulo. Galo 2x1. 

O terceiro veio em novo pênalti, que o argentino bateu no centro do gol, o goleiro santista defendeu com o pé, e no rebote de cabeça ele mandou para redes. Atlético 3x1.

O ídolo atleticano Diego Tardelli, que hoje defende o peixe, entrou na segunda etapa.  Pouco tocou na bola, e teve o nome gritado pela torcida atleticana.

O Flamengo bateu o Juventude no Maracanã por 3x1, e com a vitória dos mineiros, a diferença se manteve em 11 pontos, com 2 jogos a mais para o Galo. 

ATLÉTICO 3 X 1 SANTOS

 

Atlético

Everson; Mariano (Calebe, aos 17' do 2ºT), Nathan Silva, Réver e Dodô; Allan, Jair (Tchê Tchê, aos 18' do 2ºT), Matías Zaracho e Dylan (Nacho Fernández, no intervalo); Keno (Igor Rabello, aos 31' do 2ºT) e Diego Costa (Eduardo Sasha, no intervalo)

Técnico : Cuca

 

Santos

João Paulo; Vinicius Balieiro (Diego Tardelli, aos 36' do 2ºT), Emiliano Velázquez e Wagner Leonardo; Marcos Guilherme (Madson, aos 29' do 2ºT), Camacho, Jean Mota (Gabriel Pirani, aos 29' do 2ºT), Vinicius Zanocelo e Lucas Braga; Marinho e Léo Baptistão (Raniel, aos 10' do 1ºT)

Técnico : Fábio Carille

 

Motivo : 26ª rodada do Campeonato Brasileiro

Data e horário : quarta-feira, 13 de outubro de 2021, às 19h (de Brasília)

Local : Mineirão, em Belo Horizonte (MG)

 

Gols : Nacho Fernández, aos 23' e aos 35', e Nathan Silva, aos 29' do 2ºT (ATL); Raniel, aos 2' do 2ºT (SAN)

Cartões amarelos : Sávio, aos 36', e Dodô, aos 38' do 2ºT (ATL); Pará, aos 3', Raniel, aos 4', Lucas Braga, aos 22', e Jean Mota, aos 28' do 2ºT (SAN)

Público : 16.514 torcedores
Renda : R$ 495.619,00

 

Árbitro : Paulo Roberto Alves Júnior (PR)

Assistentes : Bruno Boschilia (Fifa/PR) e Ivan Carlos Bohn (PR)

VAR : Adriano Milczvski (PR)

© 2009-2021. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.