quinta-feira, 14 de Agosto de 2014 08:13h Atualizado em 14 de Agosto de 2014 às 08:18h. Luciano Eurides

Barcelona consegue empate heroico frente à Pedalar no Corujão do Afonso Pena

A rodada de terça-feira da 1ª Copa Pedalar da Amizade e Solidariedade do bairro Afonso Pena, o Corujão.

A Pedalar empatou em 3 a 3 com o Barcelona e o Nacional venceu por 3 a 2 a equipe do Salgadão. A próxima rodada será em 14 de agosto, na qual jogam Cruz Azul e Santos Laguna, às 19h45. O jogo entre Cacôco e OAB Divinópolis será dia 11 de agosto.
A equipe do Pedalar, favorita no jogo, teve o domínio de boa parte da partida, com placar de 3 a 1 aberto por Douglas Cachorrão. Leonardo empatou para o Barcelona. Logo depois Douglas Cachorrão e Nigéria recolocaram o Pedalar na frente.
A equipe do Barcelona não se entregou, aumentou a intensidade da partida, Chupinha fez dois gols e empatou o jogo. Chupinha falou sobre a importância dele e do empate. “O time deles entrou com favoritismo e é um dos melhores. A arbitragem deixou a desejar, mas com muita raça conseguimos o empate com sabor de vitória”, falou Jonathan, que disse ter o apelido de Chupinha por, na adolescência, ter trabalhado com adesivos junto a uma pessoa conhecida por 'Chupa Cabra', assim, herdou o apelido de 'Chupinha.'
O atleta, Douglas Cachorrão, falou que é necessária uma conversa entre os jogadores e nela exigir seriedade. “Bom jogar, mas o campo cria dificuldades e tem de jogar feio também, se fizemos três gols, temos de fazer quatro ou cinco, jogar simples e aqui temos de levar mais a sério. Falo todos os dias no vestiário, jogamos bem o primeiro tempo e mudamos o comportamento no segundo, se está bem tem de continuar”, cobrou.
Na segunda partida o Nacional saiu na frente com um belo gol de Marcos Vinícius. De fora da área, com a perna esquerda, ele colocou a bola no ângulo. O Salgadão teve um jogador expulso. Com um homem a menos o time ainda teve força para buscar o empate com um gol de Bruno.
O Salgadão ainda teve excelente oportunidade com Gilson. Ele driblou o goleiro Diego Boliche, mas não conseguiu marcar. O Nacional então passou à frente no marcador com Mateus Deotado, de cabeça.
No segundo tempo o Nacional foi logo ampliando com Asprilla, o Salgadão diminuiu com Gilson e o time voltou a ter grande chance de igualar o marcador, mas já havia impedimento marcado. Resultado final Nacional 3 a 2 Salgadão.
O Nacional pode assumir a liderança isolada do grupo se vencer o Paraiso no dia 21. Já o Salgadão tem de vencer o Pedalar, também no dia 21, e ainda torcer para o Nacional vencer o Paraíso. Assim, estariam ambas as equipes com três pontos e então o regulamento definiria o classificado para a próxima fase.


Crédito: Luciano Eurides

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.