terça-feira, 25 de Setembro de 2012 13:55h Gazeta do Oeste

Belfort comenta derrota para Jon Jones

Vitor Belfort não lutava na categoria meio-pesado (até 93kg) há cinco anos e vinha atuando na peso-médio (até 84kg) desde 2008. O brasileiro já foi campeão da categoria no UFC em 2004, por cerca de seis meses, e perdeu o título para o mesmo lutador de quem tirou o cinturão, o americano Randy Couture. Desde então, disputou o título do Ultimate duas vezes: contra Anderson Silva, pelos médios, em 2011, e com Jones neste sábado. O Spider o nocauteou no primeiro round, e Jones o finalizou com uma americana no quarto round.

 


O brasileiro  foi ao Twitter na tarde deste domingo explicar sua declaração de que teria soltado o 'armlock' ao sentir que estava quebrando o braço de Jon Jones durante a luta pelo UFC 152 de sábado, em Toronto, Canadá. O lutador disse que, na verdade, vacilou ao ouvir um estalo e perdeu a posição, negando que estivesse dando desculpas pela derrota para o atual campeão da categoria meio-pesado.

 


“Gente, a tradução aí foi errada. Eu não soltei o braço dele coisa nenhuma. Eu vacilei em ouvir os estalos e perdi o encaixe por 1 segundo. Na sequência, o Jones saiu muito bem, foi só isso. Mérito do Jones e vacilo meu” escreveu Belfort no Twitter.

 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.