quarta-feira, 30 de Janeiro de 2013 04:54h Nilton Augusto Poças Ferreira

Bernard aprova entrada de Araújo

O meia-atacante Bernard, eleito pela CBF a revelação do último Campeonato Brasileiro, espera manter o mesmo rendimento da temporada passada em 2013

O jogador afirma que a boa campanha feita pelo Atlético em 2012 aumenta ainda mais a responsabilidade e a cobrança para este ano, principalmente para jogadores como ele e Ronaldinho Gaúcho, que foram destaques do Galo no Brasileirão. "Não só do Bernard, mas do grupo inteiro. Fizemos uma campanha maravilhosa no ano passado. O torcedor espera o mesmo rendimento ou um pouquinho mais da gente. A cobrança vai vir em cima de mim, do Ronaldinho, de todos. Estamos preparados para isso. Temos que manter a regularidade do ano passado", declarou.
Para a estreia no Campeonato Mineiro, no próximo domingo, o técnico Cuca deve mandar a campo praticamente a mesma formação da temporada passada. A saída de Guilherme deve ser a única mudança no time. A tendência é que Araújo fique com a posição no meio-campo alvinegro, o que agrada a Bernard. "O Araújo é um jogador experiente que já jogou campeonatos importantes. Ele sabe se entrosar rapidamente no grupo, e, taticamente, ele sabe fazer o que o Cuca pede. Mas não sei ao certo se ele vai entrar, tem sido titular, mas até domingo muita coisa vai rolar. Não sei nem se eu vou jogar, mas tenho certeza que o Araújo vai nos ajudar nesse jogo e espero que com essa ajuda possamos sair de campo felizes", disse.

 

TROFÉU GUARÁ
Campeão Mineiro invicto e vice-campeão brasileiro, o Atlético foi o grande homenageado na cerimônia de premiação do Troféu Guará 2012, realizada na noite desta segunda-feira, no Buffet Catharina. “Este é o meu quarto Troféu Guará e fico muito feliz porque é o reconhecimento da imprensa ao trabalho muito duro que estamos fazendo lá no Atlético. Mas o de 2012 já passou e, agora, é lutar para ganhar o deste ano”, declarou o presidente Alexandre Kalil, eleito o dirigente do ano.
Campeão invicto, o Atlético foi agraciado com o Troféu Guará de Campeão Mineiro do Módulo I, que foi recebido pelo diretor de futebol Eduardo Maluf, das mãos da jornalista Deia Januzzi, representante da família de Guará. Craque do Ano, Ronaldinho teve como patrono o governador do Estado de Minas Gerais, Antonio Augusto Anastasia, e afirmou estar muito feliz pelo prêmio. “É motivo de muita alegria. Estou muito feliz aqui e só tenho a agradecer ao povo mineiro, em especial à torcida do Galo. O clube está voltando a participar das maiores competições e é muito bom participar de tudo isso. Agora, conhecendo melhor a cultura e a cidade, já estou me sentindo um pouco mineiro. Estou muito motivado, feliz, e querendo que os jogos comecem logo para voltar a sentir o calor da nossa torcida”, disse Ronaldinho.
Cuca foi escolhido o melhor treinador e destacou a supremacia atleticana na premiação. “Quando você tem agraciada a maioria dos jogadores, comissão técnica e diretoria é o reconhecimento do trabalho do Atlético inteiro, começando do presidente até o mais simples funcionário”, comentou o treinador.
O Galo também recebeu o Guará de Campeão Mineiro de juniores e Campeão Mineiro de futebol feminino, e teve, ainda, Carlinhos Neves como o melhor preparador físico, além de sete jogadores na “Seleção Guará”: Marcos Rocha, Leonardo Silva, Réver, Pierre, Leandro Donizete, Ronaldinho e Bernard.

 

O TROFÉU
Promovido anualmente pela Rádio Itatiaia para premiar os destaques do futebol mineiro, o Troféu Guará está em sua 50ª edição e leva esse nome em homenagem ao ex-jogador do Atlético, Guaracy Januzzi, o Guará, também conhecido como o ‘Perigo Louro’. Guará foi atacante do Galo na década de 30 e é o maior artilheiro da história do clássico mineiro, com 26 gols. A votação é feita pelos veículos de comunicação do Estado de Minas Gerais.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.