sexta-feira, 31 de Maio de 2013 06:05h Divulgação

Brasil e Inglaterra grandes também em cifras

Os jogadores da Seleção Brasileira realizaram na manhã da quarta-feira (29), no Hotel Sheraton Rio, a primeira atividade na preparação para o amistoso de domingo (02) contra a Inglaterra e para a disputa da Copa das Confederações, de 15 a 30 de junho.

Os jogadores da Seleção Brasileira realizaram na manhã da quarta-feira (29), no Hotel Sheraton Rio, a primeira atividade na preparação para o amistoso de domingo (02) contra a Inglaterra e para a disputa da Copa das Confederações, de 15 a 30 de junho.

Sob a assistência de uma equipe médica, comandada por José Luís Runco, Serafim Borges e Rodrigo Lasmar, da Seleção Brasileira, os jogadores foram submetidos a exames otorrinos, cardiológicos e oftalmológicos. Os médicos Luiz Cláudio Baldi, Jorge Elias, Fernanda Albano, Thiao Chalhub, Franciele Pereira, Augusto Cesar, Taly Ajdelsztajn e Daniela Borges ajudaram na realização dos exames. Brasil x Inglaterra será domingo (02), às 16 horas, no Maracanã.

O amistoso do Brasil contra a Inglaterra no Maracanã já pode entrar para a história antes mesmo de a bola rolar. A estimativa da CBF e da Golden Goal, empresa responsável pela comercialização dos ingressos para a partida, é que as entradas gerem uma receita de 10 milhões de reais. O valor representa o maior faturamento da história do futebol brasileiro.

No último domingo (26), Santos x Flamengo gerou uma receita de quase 7 milhões de reais, ultrapassando a semifinal da Copa libertadores de 2010 entre São Paulo e Internacional, que deu aos cofres tricolores uma quantia próxima de 4,5 milhões de reais.

Para o amistoso do Maracanã, já foram comercializados 35 mil entradas, que variam de 90 a 300 reais. A Golden Goal ainda disponibilizou dez espaços de camarote, com ingressos mais baratos em 28 mil reais. Outros 2 mil assentos 'business' custam 6 mil reais.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.