segunda-feira, 1 de Abril de 2013 07:39h Atualizado em 1 de Abril de 2013 às 07:43h. Divulgação

Brasil é o único país garantido na Copa de 2014

Um total de 203 seleções iniciaram a disputa das Eliminatórias para a Copa do Mundo de 2014, no Brasil. Dessas, 117 ainda disputam as 31 vagas para o Mundial. Nessa rodada, duas das 53 seleções européias que iniciaram a disputa das Eliminatórias, foram eliminadas.
Escócia e Macedônia, ambas do Grupo A, não podem mais alcançaa as duas primeiras colocadas, Bélgica e Croácia, ambas com 16 pontos.
San Marino, Cazaquistão e Andorra já não podem mais conseguir vaga direta, mas tem chances de alcançar uma vaga pelos playoffs. Dessas, San Marino e Andorra já estão praticamente eliminadas, mas com chances matemáticas, apesar de improváveis.
O mesmo acontece na África, com Cabo Verde, que precisaria de um milagre para alcançar a Tunísia na liderança do Grupo B. Com nove pontos, os tunisianos precisariam perder todos os jogos, para Cabo Verde ainda ter alguma chance. Além disso, o time caboverdiano precisaria vencer todas, tirar a diferença do saldo de gols e ainda torcer por uma combinação de resultados para garantir vaga nos playoffs africanos.
Na Oceania, a Nova Zelândia conseguiu sua vaga nos playoffs mundiais contra o quarto colocado da Concacaf. A Nova Caledônia, que ainda sonhava com a vaga antes da data da Fifa, foi eliminada nessas rodadas finais.
Nos outros três continentes, América do Sul, Ásia e Concacaf, todas as equipes que ainda estão na disputa têm chances. Na América do Sul, em sistema turno e returno de todos contra todos, até o Paraguai, lanterna com oito pontos pode conquistar sua vaga.
Na Concacaf (América Central, do Norte e Caribe), as seis equipes na disputa da fase final jogaram apenas três jogos dos 10 que serão disputados para definir as vagas. Todos ainda têm chances.
Na Ásia, a fase final está chegando num momento decisivo. No entanto, os dois grupos, de cinco equipes cada, estão equilibrados. Os dois primeiros de cada grupo têm vaga garantida na Copa, enquanto os terceiros disputam um mata-mata para decidir quem vai para o playoff mundial contra o quinto da América do Sul. Nesse sistema, o Japão quase garantiu a primeira vaga na Copa de 2014, mas uma derrota para a Jordânia adiou o sonho. A equipe japonesa, no entanto, ainda é o time mais evidente para uma vaga no próximo Mundial. Basta um empate para a equipe garantir passagem ao Brasil.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.