segunda-feira, 29 de Outubro de 2012 05:59h Gazeta do Oeste

Briga no clássico entre Boca Juniors e River Plate deixa 25 feridos

 O clássico entre Boca Junior e River Plate, que acabou empatado em 2 a 2, na tarde deste domingo, ficou marcado por uma briga nas arquibancadas do estádio Monumental de Núñez que deixou 25 feridos. Seguranças particulares contratados pelos millonarios arranjaram confusão com a torcida xeneize. Após o tumulto, as pessoas foram atendidas no hospital Pirovano, na capital argentina. Entre elas, sete são funcionários da Tech Securit.

Chegou-se a falar sobre mortes, mas o dono da empresa de segurança, Alberto Crescenti, negou. A polícia teve trabalho e chegou a barrar o chefe da barra brava do Boca Juniors, Mauro Martín, que está proibido de frequentar estádios.

O River Plate, com o empate, sobe para 16 pontos, na nona colocação, ainda três abaixo do Boca Juniors, o quinto no Torneio Inicial da Argentina.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.