terça-feira, 13 de Dezembro de 2011 13:59h Luciano Eurides

Casa Usada e RPG Transportes decidem o futsal do EOC

Definidos os times para fazerem a grande final do futsal do Estrela do Oeste Clube (EOC). A RPG Transportes venceu a até então invicta Lugo Esportes/Way Academia/Ponto do Cartão e fará a final com a Casa Usada. O time de Flavão passou pela Pão de Mel/Cozinha de Minas. As partidas das finais estão marcadas para 16 e 18 de dezembro, na Sede Urbana.


A RPG Transportes começou a construir a vaga na final ainda na sexta-feira. O time venceu por 5x4 com um show a parte do atleta Piabba. Ele fez dois gols, fez o elástico, que é a jogada característica dele quando atleta do Guarani e até bicicleta. Denis também marcou duas vezes e Pedro Henrique fechou o marcador. Para a Lugo Esportes marcaram Daniel Lara (2), Luizão e Mateus Levi. No jogo de volta a obrigação de vencer era da Lugo Esportes/Way Academia/Ponto do Cartão, mas o show foi novamente de Piabba, ele fez cinco gols. Pedro Henrique, Bruno e Lucas ajudaram a construir a vitória por 8x5 e garantir a classificação. Para a Lugo Esportes descontaram Daniel Lara, João Paulo (2), Luizão e Mateuzinho.


A Casa Usada também não teve facilidades. Se classificou na prorrogação frente a Pão de Mel/Cozinha de Minas.  Na primeira partida a Pão de Mel/ Cozinha de Minas venceu por 6x4. Paulo PH fez dois, Adriano, Diogo, Iury e Paulo Jatobá acrescentaram ao marcador. Para a Casa Usada Leandro Morcego (3) e Calazans fizeram os gols. Já na segunda partida a vitória foi da Casa Usada por 7x3. Leandro Morcego (3), Murilo (3) e Rogério fizeram os gols. Maradona, Paulo Jatobá e Tulio descontaram para a Pão de Mel. A partida seguiu para a prorrogação onde Leandro Morcego e Rogério fizeram os gols da Casa Usada e Maradona e Paulo PH para a Pão de Mel, o empate deu a vaga a Casa Usada que teve melhor campanha na fase de classificação.
A grande final é aguardada com muita expectativa. Para o atleta Hugo Albernaz, da RPG Transporte o time vai em busca da vitória como sempre fizeram na competição. “A Casa Usada é o atual campeã tem que respeitar”, pregou o jogador que vê o companheiro Piabba jogando solto e muito mais ousado. Para ele jogar contra a Casa Usada aumenta a responsabilidade, pois se conhece a qualidade do adversário. “Com certeza, quando se enfrenta uma equipe, bem posicionada, bem organizada em quadra, é mais fácil, porque já pode prever o que eles podem fazer. No caso da Casa Usada, um time já conhecido, já sabemos as características de cada jogador, o time titular e as opções no banco de reserva, não é nenhuma surpresa nada que pode acontecer”, disse.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.