terça-feira, 15 de Setembro de 2015 13:41h CBF

Celsinho fala da expectativa para o clássico

Há quatro jogos sem vencer na Série A, o Figueirense terá pela frente um clássico decisivo na noite de quarta-feira (16)

No Orlando Scarpelli, o time enfrentará o Avaí, às 21h. Caso perca, o Figueira será ultrapassado pelo rival e consequentemente entrará na zona de rebaixamento. Para o meia alvinegro Celsinho, a parte psicológica será de fundamental importância na partida em Florianópolis.

- Quem melhor se preparar emocionalmente vai vencer. O Avaí vem de uma vitória no último minuto, e nós viemos de uma derrota onde não nos sentimos bem. Quem se preparar melhor emocionalmente sai vencedor. Eles não podem se empolgar e nem a gente, então será um jogo emocional, como o René (Simões, técnico) fala, um jogo dentro de outro jogo.

A última vitória do Figueirense na Série A foi contra o Vasco, no dia 29 de agosto, pela 21ª rodada. Celsinho comentou o jejum de vitórias da equipe e usou a palavra desconforto para definir o momento do elenco.

- Temos objetivos e metas, como é estar longe dessa zona do desconforto. É óbvio que quando os resultados não vêm, vem o desconforto. Sabemos da nossa qualidade, do elenco que temos, e isso causa um desconforto grande. Nós deveríamos estar lutando por outras posições na tabela.

O Figueirense está no 16º lugar da Série A, com 27 pontos. O Avaí está na 18ª colocação, com 26 pontos.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.