terça-feira, 17 de Julho de 2012 13:18h Luciano Eurides

Choro é campeão rural aspirante 2012

A Copa Rural categoria aspirante é onde os atletas da comunidade realmente entram em campo e nessa o Choro levou a melhor. No último domingo, no campo do Campista, o time venceu por 3x0 o Cacoco de Cima e levou a taça de campeão.

 


Os primeiros 15 minutos de jogo só o Cacoco de Cima  obrigava o time do Choro a fazer muitas faltas, a segurança estava no goleiro Zé Carlos. O Choro usou a cabeça para fazer o primeiro gol, em uma cobrança de falta a bola foi alçada na área e Ronaldo subiu para fazer 1x0. Depois do gol, o time do Choro continuou jogando a bola na área para ver o que acontecia e em um escanteio por muito pouco a defesa do Cacoco de Cima faz contra.

 


No segundo tempo, o Cacoco veio disposto a empatar o jogo e o Choro esperou a hora certa de encaixar o contra ataque e foi feliz na escolha, a defesa desarrumada deixou Rodrigo chutar de fora da área para fazer 2x0. Aos 23 minutos  Paulinho foi na direita e cruzou para Daninho encostar e fazer o terceiro para o Choro.

 


Na oportunidade além do troféu de campeão para a comunidade do Choro, de vice campeão para a comunidade do Cacoco de Cima, foram entregues as premiações de Choro de Baixo como equipe disciplina, a Oswaldo como atleta disciplina e Maranhão, do Cacoco de Cima como atleta revelação. Ronaldo do Cacoco de Cima escolhido o melhor goleiro e Milton Carlos dos Costas o artilheiro da competição com 13 gols.

 


A festa foi na comunidade do Choro onde o time contou com a torcida desde a competição organizada por eles, logo no início do ano e assim foi preparado o time para a disputa. As equipes que estiveram no Torneio do Choro e mantiveram seus jogadores conseguiram resultados expressivos na Copa Rural, exemplo o próprio Choro e a equipe do Córrego Falso, representada pelo Colorado, que foi vice campeã.  A estratégia foi certa e deve se repetir em 2013.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.