sexta-feira, 21 de Setembro de 2012 15:46h Luciano Eurides

Clubes Amadores e Bombeiros se reúnem

No início da noite de quarta-feira uma reunião envolvendo equipes do futebol amador, secretaria de esportes e Corpo de Bombeiros tranquilizou os representantes das principais escolinha de futebol da cidade. As recentes vistorias e a possibilidade de interdição tirava o sono dos esportistas. O primeiro passo, que é a contratação de um engenheiro, terá o apoio do poder executivo e as taxas poderão ser isentas para aquelas equipes com utilidade pública de acordo com a lei.
A situação mais complicada é da Associação Atlética Danilo Passos, o campo está sem energia elétrica por falta de pagamento, sinalizando que a entidade não tem dinheiro para quitar as dividas e muito menos pagar para as adequações necessárias, como conta o presidente Fiico. “Fico preocupado, pois cuidamos de muitas crianças tirando elas das ruas e promovendo o lazer. Lutamos com dificuldades e não as vejo sem o futebol e nem o que seria delas. Cerca de 150 alunos de escolinha e juvenil. Já sofremos com as enchentes e agora vem mais esse problema, mas acredito que teremos uma solução boa. É difícil manter sem recursos, temos de buscar esses recursos, mas não podemos deixar nossas crianças”, afirmou.
O Palmeiras como outros times da cidade tentaram melhorar a própria renda, mas ainda não é suficiente para as despesas, como conta o vice-presidente Adailton. “A principio achamos que aconteceria o mesmo que em Carmo do Cajuru, com interdição e reformas milionárias o que gerou uma preocupação. O capitão foi muito feliz nas explicações e foi mais tranquilo. Não foram determinados os valores, já vislumbramos uma possibilidade de resolver a situação, pois temos o aluguel do bar, campo, publicidades, melhorou um pouco a renda, mas ainda é muito baixa”, disse.
O Flamengo saiu satisfeito por não ter de parar as atividades, como ressalta o treinador Zezé. “A princípio uma grande preocupação com as crianças, não estávamos esclarecidos e parar as escolinhas seria terrível. A notícia que levo para a diretoria é muito boa, excelente, a ajuda vai vir e não precisaremos parar. Se Deus quiser vamos continuar e as crianças todas felizes”, ponderou. Flamengo que teve o jogador Marcos Paulo aprovado no Atlético Mineiro.
O secretário de Esportes Rômulo Duarte também ficou satisfeito com o encontro e vê uma luz no fim do túnel. “Entendemos que não é uma responsabilidade, mas é um compromisso publico. O Corpo de Bombeiros está cumprindo a legislação e também compreendemos o papel dos clubes, promovem ações de grande alcance social e saímos com o primeiro passo e vamos encontrar um caminho harmonioso e aguardamos a oficialização dos clubes para ser feito os encaminhamentos necessários”, falou.
Palmeiras e Flamengo devem encaminhar o mais rápido o ofício a Secretaria de Esportes, já as demais entidades aguardam a visita dos bombeiros militares.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.