quinta-feira, 13 de Fevereiro de 2014 05:36h Atualizado em 13 de Fevereiro de 2014 às 05:41h. Luciano Eurides

Colorado bate os donos da casa pelo Torneio do Choro

A equipe do Choro e do Colorado fizeram um jogo extremamente disputado, com todos os ingredientes de um grande clássico.

Gols perdidos, defesas espetaculares e algumas confusões. No final o time dirigido por Camilo Lellis, o popular Cuié levou a melhor e assume a liderança.
Depois de um jogo muito igual na maior parte do primeiro tempo, o Choro teve uma grande oportunidade de gol quando Catraca foi derrubado na área e a arbitragem assinalou pênalti. Deninho foi para a cobrança e o estreante goleiro Mateus defendeu e passou muita confiança para o time da Vila Belo Horizonte.
No segundo tempo o Colorado voltou melhor e teve várias oportunidades perdidas. O atacante Diego Doidera então mostrou todo talento, aproveitou a bola pela direita e na saída do goleiro tocou para o fundo do gol. Com o gol o time do Choro se perdeu em campo, Helder caminhou com a bola na intermediária e chutou forte, para a bola tocar no poste e entrar, 2x0 para o alvirrubro. Nos minutos finais o jogo ficou aberto, o Choro teve novo pênalti a favor e Fernando fez a cobrança e diminuiu, mas não foi uma reação, pois logo em seguida Betinho recebeu a bola em posição muito duvidosa e fechou o marcador em 3x1.
Destaque na vitória do Colorado o goleiro Mateus, de apenas 18 anos, ainda júnior contou ser do Bairro Quintino, ter disputado a LMDD pelo União Belvedere e fez a estreia dele no Torneio do Choro e chamou a atenção dos torcedores e adversários. “Foi um bom jogo, peguei um pênalti, ganhamos a partida e o próximo jogo jogar para vencer. Comecei nas escolinhas e depois foram me chamando, jogo no meu bairro o Quintino, já joguei no Guarani, Palmeiras e Belvedere, tenho 18 anos e vou me firmar com a turma, são todos gente boa”, falou o estreante.
O atleta profissional de futebol Catraca Santos reforçou a equipe do Choro, sofreu pênalti, arrumou briga e muito mais, só não foi suficiente para a vitória. “Jogo de futebol amador é assim mesmo, jogo duro, briga, unhada e chutes. Fico triste por ir embora derrotado depois de uma semana inteira em que nos preparamos para vencer e semana que vem volto para ajudar o time a buscar a vitória. Eu tentei, caí, sofri pênalti, cotovelada e tudo. O entrosamento querendo ou não estava em baixa, pois só começamos a jogar juntos agora, fora de campo somos todos amigos e isso ajuda”, considerou ele que pode seguir a carreira profissional. “Estou vendo algumas coisas, ainda não desisti e deixo na mão de Deus, estou me dedicando e se aparecer alguma coisa vou correr atrás”, declarou o atleta de 21 anos e estudante de engenharia civil na Universidade de Itaúna.
No próximo domingo haverá rodada, na edição de terça-feira divulgamos a tabela conforme foi repassada no início da competição, mas os jogos acontecerão normalmente dia 16 sendo a rodada de número quatro.

Data      Hora            Time         Time
16-02   09:00      Quilombo X  Choro
16-02   14:00      Cruzeirinho X  PJ
16-02   15:30      Sevilha X  Colorado
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.