terça-feira, 7 de Agosto de 2012 16:35h Gazeta do Oeste

Com medalha garantida, boxeadora brasileira mira ouro

A brasileira Adriana Araújo conseguiu um feito histórico para o boxe brasileiro nesta segunda-feira ao se classificar para as semifinais da Olimpíada de Londres no peso leve (até 60kg) com a vitória sobre a marroquina Mahjouba Oubtil por 16 a 12, o que já lhe garante ao menos a medalha de bronze. Ela, porém, prometeu que não vai se contentar com isso e se declara concentrada no objetivo de buscar o ouro.

 

O Brasil possui apenas uma medalha olímpica no boxe, conquistada em 1968, nos Jogos da Cidade do México, por Servílio de Oliveira. Já as mulheres fazem a sua estreia no programa olímpico exatamente em Londres e as pugilistas do País já garantiram uma medalha logo na primeira participação.

 

"Estou muito feliz por ter sido a primeira brasileira a garantir uma medalha no boxe. Ainda não está terminado, pode ser que venha a disputa do ouro, mas estou preparada para enfrentar qualquer adversária", disse Adriana Araújo. "Não tem relaxamento, ainda estou viva na competição", completou.

 

Adriana Araújo volta a entrar no ringue na quarta-feira, quando vai enfrentar a russa Sofya Ochigava, pelas semifinais, em busca de uma vitória que lhe dê a oportunidade de lutar pelo ouro. O combate, porém, será complicado. A adversária é vice-campeã mundial e derrotou a brasileira no último Mundial de Boxe. "As coisas ainda estão acontecendo, ainda não acabou a minha participação aqui", comentou Adriana Araújo.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.