quinta-feira, 2 de Julho de 2015 12:43h Atualizado em 2 de Julho de 2015 às 12:46h.

Copa Gazetinha é encerrada com grande festa no Mendes Mourão

Os atletas das equipes do Flamengo e do Capit fizeram o papel principal na final da Copa Gazetinha 2015

Os jogadores brilharam muito mais que os convidados, torcedores e até mesmo a premiação. O futebol, a bola rolando e as jogadas efetuadas foram o de melhor na grande festa. Uma partida repleta de emoção e um nível altíssimo.
Em momento algum da partida era possível afirmar o vencedor da partida. O Flamengo, dono da casa, encontrou um adversário a altura e destemido. O Capit pulou a frente no marcador com Kevinho e o Flamengo empatou e virou com Ruan. No segundo tempo, o jogo ficou ainda mais movimentado, pois Jonas empatou para o Capit e Caio fez o gol da vitória Rubro-Negra.
O jogo foi movimentado, não dava tempo de respirar, as duas equipes atacavam, se defendiam, tinham um posicionamento de dar inveja. Ao final, a festa das duas equipes, pois a primeira competição para eles, uma experiência de vida e também um aprendizado.
Foram premiados os atletas individualmente. Cada família teve a oportunidade de colocar a medalha no jogador e, lógico, tirar a foto para as redes sociais. Gustavo, o artilheiro da competição, o Flamengo a melhor defesa, ainda Tuquias (União Pedregal) destaque da competição.
Os atletas receberam os prêmios das mãos de José Carlos Rocha, treinador que dispensa apresentação, tanto que ele treinou o Felipe Pepê, técnico do Capit. Ainda outros convidados como Gustavo Rodrigues (Brancão), atual treinador do Sub -0 do Araxá Esporte, que representou a Gazeta do Oeste. Ainda Washington Júnior, jogador profissional do Guarani e atual auxiliar técnico no Sub-17 do Bugre. José Carlos Rocha também treinou os dois quando jogavam no Flamengo.
Cada um começa a escrever a própria história. Desde José Carlos Rocha, que formou atletas e treinadores. Estes atletas hoje formam novos jogadores e profissionais do esporte. Cedo para dizer se farão parte do elenco ou da comissão técnica, certo é que os garotos do Flamengo e do Capit iniciaram muito bem.
A competição se repetirá em 2016, interessados já podem entrar em contato com o Naldinho (árbitro) e deixar os contatos para a convocação do conselho técnico, a categoria deverá ser, se aprovada no arbitral, 2008-2009, sem qualquer atleta 2007. Um desafio.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.