segunda-feira, 6 de Maio de 2013 07:58h Superesportes

Cruzeiro alcança arrecadação de R$ 2 milhões por mês com sócios do futebol

”O sócio tem tido uma adesão muito alta e tem dado condições de o presidente trabalhar com um pouco mais de ousadia. Hoje, a gente arrecada na faixa de R$ 2 milhões por mês com o programa.

A boa fase do Cruzeiro neste início de temporada tem despertado o interesse da torcida no programa de fidelidade celeste. Atualmente, a Raposa conta com cerca de 26.800 sócios do futebol. Segundo o programa “Movimento por um futebol melhor”, conveniado das grandes equipes do país, o clube estrelado é o quinto time com mais associados no Brasil, atrás de Inter, Grêmio, Corinthians e Santos.

De acordo com o diretor de marketing do Cruzeiro, Marcone Barbosa, os quase 27 mil sócios já rendem aproximadamente R$ 2 milhões por mês aos cofres do clube. São cinco categorias para o torcedor se tornar associado, com preços que variam de R$ 27,50 a R$ 200 mensais. O dirigente não detalhou o número de adeptos de cada modalidade.

”O sócio tem tido uma adesão muito alta e tem dado condições de o presidente trabalhar com um pouco mais de ousadia. Hoje, a gente arrecada na faixa de R$ 2 milhões por mês com o programa. Nosso planejamento é ter 40 mil sócios até o fim do ano”, disse Marcone à reportagem.

”Quanto mais sócios, mais receita e mais condições de contratar e manter bons jogadores de nível no plantel. É uma política do presidente reverter toda a receita do sócio para o futebol profissional”, completou.

O associado que paga R$ 27,50 por mês tem direito a comprar ingressos a cada partida com 50% de desconto, pela internet, antes da venda na bilheteria. No ato da compra, o cartão é carregado automaticamente para passar pela catraca, sem a necessidade de retirada de ingresso físico.

Os sócios das demais modalidades pagam mensalidades de R$ 95, R$ 100, R$ 150 e R$ 200 e têm lugar garantido no Mineirão em todos os jogos, no setor do estádio referente ao plano escolhido. Em todas as categorias, o sócio acumula pontos de fidelidade para trocar por produtos oficiais do Cruzeiro posteriormente.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.