domingo, 29 de Maio de 2011 08:14h Luciano Eurides

Cruzeiro em busca da primeira vitória no Brasileirão

O Cruzeiro busca a reação neste início de Campeonato Brasileiro. O time celeste vai enfrentar o Palmeiras no próximo domingo, às 16h, na Arena do Jacaré, pela 2ª rodada do Nacional e o meia argentino está certo que a Raposa tem tudo para abrir o caminho de vitórias na competição.


A semana de preparação para o primeiro jogo da Raposa diante de sua torcida no Brasileirão tem sido bastante produtiva, segundo Montillo. O atleta destaca as lições tiradas no tropeço acidental contra o Figueirense e garante que o grupo estrelado ratificará em campo a grandeza do Cruzeiro. “Esta semana tem sido muito boa, na qual estamos trabalhando muito para melhorar. O Cuca ainda não mostrou quem vai jogar, mas ele definirá a equipe com tranquilidade. O Cruzeiro não jogou bem contra o Figueirense, mas podemos mudar tudo nesse próximo jogo. Isso é time grande”, afirmou.


A respeito das dificuldades que a Raposa terá no confronto com o Palmeiras, Montillo não cogita outra hipótese, a não ser ganhar o jogo. Para o camisa 10 celeste, o revés ante ao Figueirense foi um erro circunstancial que não deverá se repetir com frequência, em vista do alto padrão do time cinco estrelas. “Quando um time tem jogadores bons, é difícil ter uma sequência ruim. Vamos nos recuperar, o Brasileiro está começando e não podemos perder pontos importantes agora. Vamos respeitar o Palmeiras, que é um time difícil, mas temos que ganhar na Arena”, frisa.


O adversário traz boas recordações para Montillo. O atleta se motiva ao lembrar do duelo contra o Palmeiras, disputado em 5 de setembro de 2010, no Pacaembu, em jogo válido pela 19ª rodada do Brasileirão. Na ocasião, a equipe paulista abriu vantagem de 2 x 0, mas o Cruzeiro virou o placar e saiu de São Paulo com uma importante vitória, que representou a arrancada celeste na competição. “Foi um jogo importante para nós, fora de casa, perdendo de 2 x 0, conseguimos virar, mas agora é outra situação, sabemos que temos um adversário difícil, com um treinador muito experiente. Vamos fazer nosso trabalho e jogar bem, porque temos um time qualificado”, disse.
Montillo ainda pondera que o Cruzeiro somente terá êxito na disputa se continuar se dedicando, com muito foco e humildade, visto que o campeonato é, em sua opinião, o mais acirrado do continente e as dificuldades tendem a aumentar a cada rodada. “O Brasileiro é o campeonato mais difícil de toda a América, isso acontece, um time que veio da série B complicou o Cruzeiro, que era tido como o melhor do Brasil, então ninguém é melhor do que ninguém agora. Tudo está parelho, todos jogam para ganhar e a tendência é que a dificuldade aumente a cada partida”, finalizou.

 

HENRIQUE


Cada vez mais próximo de um clube europeu está o volante Henrique, ciente das ofertas o jogador garante que está focado somente na reabilitação do Cruzeiro. O interesse maior é da Fiorentina e um representante de Henrique já está na Europa conversando com o clube italiano. A imprensa as capital mineira falam que a oferta gira em torno de 5 milhões de euros.  “Eu tento fazer o meu melhor, o que for para acontecer, vai acontecer. O que é para ser vai ser, estou tranquilo. Tenho vínculo no Cruzeiro até 2014, meu desejo é ficar, eu venho focado e trabalhando sério. O foco é bastante grande, mas sou bem consciente dessas condições e eu pretendo focar minha cabeça só nos jogos para ajudar sempre o Cruzeiro”, disse Henrique.
 

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.