terça-feira, 9 de Setembro de 2014 06:13h Atualizado em 9 de Setembro de 2014 às 06:17h.

Cruzeiro embalado pegará o Bahia

Depois de um primeiro turno excelente, o Cruzeiro se concentra para manter o nível de aproveitamento nas 19 partidas do Brasileirão.

O time fechou a primeira metade da competição com a maior vantagem de um líder em relação ao segundo colocado – sete pontos –, além de igualar o recorde do Atlético (2012) de pontos conquistados no primeiro turno: 43.
Marcelo Oliveira comemora os bons resultados. “O campeonato é extremamente difícil, as equipes se preparam muito e estão tentando se aproximar do Cruzeiro. No ano passado, nós comemoramos muito a virada do primeiro para o segundo turno, porque tínhamos quatro pontos de vantagem para o segundo colocado e, esse ano, nós fizemos 43 pontos, superando o recorde da competição na era dos pontos corridos. Estamos satisfeitos, isso tudo foi feito com muito sacrifício e esforço, e não é por acaso que o Cruzeiro está nessa condição”, destacou o treinador.
O Cruzeiro inicia a caminhada nesta quinta-feira contra o Bahia, no Mineirão, onde tem 100% de aproveitamento. Para o jogo, o clube trabalha para ter os selecionáveis Éverton Ribeiro e Ricardo Goulart.  A fato de ter perdido os dois na partida desse domingo, contra o Fluminense, foi criticado pelo treinador celeste. “É incrível, o campeonato deveria parar, como se faz em toda parte do mundo. Você perde quatro jogadores importantes, naturalmente perdem outros por contusão, Egídio, Dagoberto”, criticou Marcelo Oliveira.

 

]

CBF já liberou
Antes da partida, o gerente de futebol do Cruzeiro, Valdir Barbosa, disse à rádio Itatiaia, de Belo Horizonte, que o retorno da dupla está encaminhado. “A possibilidade é muito grande [de ter os jogadores contra o Bahia]. O diretor de futebol, Alexandre Mattos, estava nos Estados Unidos e deu andamento nisso lá, para que a viagem deles fosse antecipada. A CBF concordou e está trabalhando para que eles possam pegar o avião com antecedência para chegar a Belo Horizonte a tempo de jogarem contra o Bahia”, informou Barbosa, que ainda revelou a existência de um plano B, caso ocorra algum problema por parte da CBF em adiantar o voo dos atletas.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.