terça-feira, 28 de Fevereiro de 2012 08:47h Atualizado em 28 de Fevereiro de 2012 às 10:14h.

Cruzeiro emplaca ritmo de vitórias

Se dessa vez o atacante Anselmo Ramon não balançou a rede, o jogador teve participação fundamental na vitória de 2 a 0 sobre o Democrata-GV, no último sábado, no estádio Mammoud Abbas, em Governador Valadares, pela 4ª rodada do Campeonato Mineiro.
Com dois passes de calcanhar, sendo o primeiro uma assistência direta para um dos gols de Montillo, Anselmo foi decisivo. “Eu vi a passagem do Montillo, acabei dando um grande passe para ele, e ele também teve os méritos de fazer o gol. Vamos continuar trabalhando durante a semana para buscar mais uma vitória”, disse o atacante, já com o pensamento no jogo do próximo sábado, contra o América-TO, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.
Anselmo disse que, além de enfrentar o Democrata-GV, o Cruzeiro teve que superar o gramado ruim do estádio Mammoud Abbas, e ressaltou que o mais importante foi sair de Governador Valadares com a vitória, a terceira seguida no Estadual. “Sabíamos que íamos encontrar um campo ruim. Não fizemos um jogo tão bom, mas conseguimos colocar o nosso ritmo e sair com a vitória”.
O objetivo do técnico do Cruzeiro, Vágner Mancini, é evitar o relaxamento dos titulares no time. Ele quer ver até mesmo os dois principais jogadores do clube sem acomodação. “Não gostaria que nenhum atleta do Cruzeiro, mesmo Montillo e Fábio, que são mais reverenciados, se sentissem donos da posição, porque isso gera acomodação e isso é prejudicial a nossa maneira de trabalhar”, afirmou o comandante celeste.
Nesta temporada, Mancini já promoveu mudanças nos setores de defesa e meio-campo. Apenas o ataque teve os mesmos titulares em todas as partidas, contando amistosos e Campeonato Mineiro. Anselmo Ramon e Wellington Paulista são os titulares.
No gol, Rafael já foi testado no lugar de Fábio, quando este esteve suspenso. Nas laterais, Gilson já teve oportunidade como titular e agora é reserva, já que Marcos ganhou a vaga.
No meio-campo, o colombiano Diego Arias e Amaral tiveram a chance de mostrar serviço no time principal e foram sacados. Agora, precisam esperar no banco. Roger e Rudnei revezam a preferência de Mancini no setor, completado por Leandro Guerreiro, Marcelo Oliveira e Montillo.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.