quarta-feira, 26 de Fevereiro de 2014 06:24h Atualizado em 26 de Fevereiro de 2014 às 06:26h.

Cruzeiro ganha de goleada frente ao Universidad de Chile

O Cruzeiro mostrou que está muito vivo na Copa Libertadores da América.

O Cruzeiro mostrou que está muito vivo na Copa Libertadores da América. Na tarde desta terça-feira, a Raposa goleou a Universidad de Chile, por 5 a 1, no Mineirão, e se reabilitou da derrota na estreia, para o Real Garcilaso, na altitude de Huancayo. Os gols celestes foram marcados por Ricardo Goulart, três vezes, Dagoberto e Willian. Lorenzetti descontou para os chilenos. Com o triunfo, o time de Marcelo Oliveira chegou aos 3 pontos e embolou o Grupo 5, mas, por causa do saldo de gols, assumiu a liderança. É justamente o time uruguaio o próximo adversário celeste, em 11 de março, terça-feira, às 19h, em Montevidéu.
O Cruzeiro começou a partida como se esperava. Tentando sufocar o time chileno no ataque. Do lado de fora do Mineirão, muitos torcedores enfrentavam o trânsito ruim e buscavam uma vaga para estacionar, devido à greve dos motoristas e cobradores de ônibus de Belo Horizonte, e à proibição do estacionamento no entorno do estádio.
Cruzeiro se mantém invencível contra chilenos em confrontos no Mineirão. Logo aos três minutos de jogo, Dagoberto recebeu lançamento na área e arriscou um voleio, mas o goleiro Jhonny Herrera defendeu com segurança. Aos poucos, a Universidad de Chile tentava encontrar a maneira certa de se fechar atrás e diminuir os espaços do Cruzeiro, que passou a ter mais dificuldade para penetrar na defesa chilena.
Tanto que, aos 16 minutos, Egídio limpou a jogada e resolveu arriscar de fora da área, mas o arqueiro rival defendeu com tranquilidade. O Cruzeiro passou então a ter mais a posse de bola, mas sem assustar La U. Foi em um contragolpe rápido que o time celeste teve sua melhor chance de abrir o placar. Everton Ribeiro lançou para Marcelo Moreno, que chutou para rebote do goleiro. Na sobra, o próprio Everton Ribeiro quase marcou.
Aos 33, o Cruzeiro finalmente desencantou. Dagoberto fez ótima jogada pela esquerda e cruzou rasteiro para Ricardo Goulart marcar, de carrinho: 1 a 0. Cinco minutos depois, Goulart devolveu o presente para Dagol, que marcou de peito o segundo gol do Cruzeiro: 2 a 0.
Os gols ainda no primeiro tempo tranquilizaram o Cruzeiro e incendiaram a torcida no Mineirão. Era o que faltava para o nervosismo da estreia dentro de casa na Libertadores virar goleada. No fim do primeiro tempo, Dagoberto cobrou escanteio, Bruno Rodrigo desviou de cabeça e Ricardo Goulart fez o terceiro: 3 a 0.
As equipes voltaram sem alterações para o segundo tempo, com os chilenos dispostos a diminuir a vantagem celeste no placar. A situação nos primeiros minutos da etapa final foi a inversa do primeiro tempo: La U com maior posse de bola e Cruzeiro se fechando, em busca de um contragolpe.
A equipe chilena marcou seu primeiro gol aos 20 minutos do segundo tempo. Depois de trama pela direita da defesa celeste, Lorenzetti penetrou e tocou por cima de Fábio. Pouco tempo depois, La U quase fez o segundo, em contra-ataque pela esquerda, de novo com Lorenzetti, que cabeceou para fora.
No fim do jogo, o Cruzeiro voltou a tomar as rédeas da partida. Ricardo Goulart marcou seu terceiro gol depois de escanteio cobrado por Willian da direita: 4 a 1. No último lance do jogo, Willian recebeu de Egídio e decretou a goleada: 5 a 1.
O volante Willian Farias, ex-Coritiba, de 24 anos, mais novo reforço contratado pela diretoria do Maior de Minas, será apresentado oficialmente como jogador do Cruzeiro Esporte Clube na tarde desta quarta-feira, às 15h30, na Toca da Raposa II.

Mais detalhes da negociação serão divulgados durante a coletiva que anunciará o jogador, antes do treino marcado para as 16h, no CT do futebol profissional do Cruzeiro.

Willian Farias, que trabalhou com o técnico cinco estrelas, Marcelo Oliveira, quando ele treinou o Coritiba, foi revelado pelas divisões de base do time paranaense e, como profissional, defendeu a equipe curitibana em 160 partidas, 130 delas como titular.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.