terça-feira, 29 de Setembro de 2015 10:51h

Cruzeiro mostrou muito espírito de luta contra o Coxa

O torcedor do Cruzeiro saiu do Mineirão com a alma lavada neste domingo. Com a vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba

O torcedor do Cruzeiro saiu do Mineirão com a alma lavada neste domingo. Com a vitória por 2 a 0 sobre o Coritiba, o time de Mano Menezes se manteve na 13ª posição na tabela, mas conseguiu abrir cinco pontos de frente para a Chapecoense, primeira equipe a integrar o grupo dos quatro últimos colocados.
Apesar do triunfo, os jogadores celestes mantêm os pés no chão e sabem que ainda precisam de outros bons resultados para deixar o clube numa situação mais confortável na classificação geral. “A gente deu uma distanciada ali da zona, mas temos mais um jogo importante no domingo para nos afastarmos de vez. A equipe está de parabéns, jogou com um a menos a maioria da partida e suportou bem. Agora é descansar e pensar no próximo jogo contra o Grêmio”, analisou o lateral Fabrício.
Já o meia-atacante Júlio Baptista, que voltou aos gramados após uma ausência de quase oito meses, ressaltou o espírito de luta do time, que atuou com um jogador a menos desde o fim do primeiro tempo, quando Paulo André foi expulso. “O importante é o time ganhar. Foi um jogo super difícil, nós perdemos um homem no final do primeiro tempo e isso condiciona muito o jogo. O jogo estava controlado, passou a ser um jogo mais difícil, mas acho que o importante foi a vitória. Graças a Deus estou voltando e pouco a pouco pegar confiança e jogar mais jogos”, afirmou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.