quinta-feira, 23 de Abril de 2015 10:06h

Cruzeiro nunca foi eliminado na fase de grupos da Libertadores da América

Cruzeiro está classificado para as oitavas de final da Copa Libertadores de 2015

O time celeste demonstrou não ter se abalado com a eliminação do Campeonato Mineiro, no último domingo, e ainda superou o cansaço na vitória por 2 a 0 sobre o Universitario Sucre-BOL, nesta terça-feira, no Mineirão, pela última rodada do grupo 3 da competição continental. Willian, no primeiro tempo, e Léo, na etapa final, balançaram as redes para a Raposa.
Com a vitória, o Cruzeiro terminou como líder da chave, com onze pontos. A Raposa nem precisou contar com a ajuda do já eliminado Mineros, que surpreendeu ao vencer o Huracán por 3 a 0, na Venezuela. A derrota dos argentinos acabou beneficiando o Universitario que, mesmo perdendo no Mineirão, ficou com nove pontos e se classificou na segunda posição.
Além da classificação, o time celeste manteve a escrita de nunca ter sido eliminado na fase de grupos da Libertadores em 15 participações ao longo da história da competição. Agora, o Cruzeiro fica no aguardo das definições do adversário nas oitavas de final e das datas dos duelos de ida e volta. As partidas da próxima fase do torneio continental já começarão no meio da próxima semana.
O técnico Marcelo Oliveira destacou o que classificou como "espírito de superação" do Cruzeiro para garantir a classificação. O triunfo ocorreu pouco mais de 48 horas após a eliminação do Campeonato Mineiro pelo rival Atlético. O treinador também aproveitou a vitória para elogiar o elenco, destacando que as mudanças realizadas na escalação, muitas em razão do desgaste físico, deram certo.
"Não foi tranquila a classificação, pode ter dado a impressão, mas o nosso time foi muito determinado e houve um espírito de superação para passar os dois jogos decisivos, na parte física e emocional também. Felizmente a gente pode trocar cinco jogadores e manter uma base boa, descansada, e todos estão de parabéns. Foi um time organizado contra um adversário bem fechado, que especulou o empate e mesmo assim tivemos boas jogadas pelo lado do campo”, disse Marcelo.
Com o triunfo, o Cruzeiro chegou aos onze pontos e garantiu a liderança do Grupo 3 da Libertadores. Marcelo lembrou a importância de disputar como mandante o segundo jogo das oitavas de final e agora espera a definição do próximo adversário do time no torneio continental.
"Temos a certeza que jogaremos a primeira partida fora de casa e a segunda aqui, agora é criar uma estratégia própria para os jogos, que tipo de adversário é, como eles jogam, e lá fora não dá para ficar muito acuado e não abrir tanto, porque você pode levar contra-ataque e ser pressionado. Isso tudo a gente sabe e não é praticado, porque quase sempre o adversário é muito forte e nos dificultará. Temos que tentar o melhor resultado fora e decidir com a força da nossa torcida dentro de casa", afirmou o treinador.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.