quarta-feira, 20 de Maio de 2015 11:26h

Cruzeiro prega garra argentina na Libertadores

“Ter tanta vontade de vencer quanto os argentinos do River Plate”. É o que prega o zagueiro Manoel para que o Cruzeiro consiga um bom resultado em Buenos Aires, na próxima quinta-feira (21), às 22h

O zagueiro explica essa garra argentina. "Time argentino é sempre raçudo e guerreiro, e que briga muito, então precisamos igualar as forças, porque qualidade nós temos de sobra. Com a bola, é jogar, e, sem ela, marcar forte”, comentou o jogador.
Manoel disse ter assistido ao clássico entre River e Boca. Ele destaca as principais características do adversário do meio de semana. “É uma equipe rápida e que marca muito bem. Temos que ficar espertos e tomar muito cuidado, parecido com o que fizemos contra o São Paulo, quando fizemos uma grande partida", analisou.
A Raposa vai a campo após a derrota por 1 a 0 para o Santos, pela segunda rodada do Campeonato Brasileiro. Manoel destaca que é preciso esquecer a competição nacional e se concentrar na Libertadores. “É focar nessa decisão que está por vir. Temos um time qualificado e vamos em busca do bom resultado na Argentina. Será um jogo bastante complicado, então, temos que aproveitar bem as chances criadas e definir.”
Assim como Manoel, o meia-atacante Marquinhos quer as atenções voltadas exclusivamente para o mata-mata. “Sabemos que é outra competição, que tem mais pegada, que o juiz deixa o jogo correr mais. A gente sabe que vai ser uma partida muito difícil, mas é importante nos dedicarmos do começo ao fim do jogo, para que possamos conseguir um bom resultado”, falou.
Um dos heróis da classificação celeste para as quartas de final da Copa Libertadores e ausente no último jogo do Tetracampeão pelo campeonato brasileiro, o lateral-direito Mayke é um dos trunfos do treinador Marcelo Oliveira. O técnico da Raposa conta com o atleta para tentar surpreender o River Plate. “Consegui descansar bastante, estava sentindo um desconforto na panturrilha e na superior, mas graças ao repouso, a dor sumiu, então espero treinar bem nessa semana para quinta-feira entrar bem e tentar um belo resultado na Argentina”, disse Mayke.
O lateral vai jogar no estádio do River Plate pela primeira vez e não teme a torcida do adversário argentino. Para Mayke, o torcedor do River Plate deve encher o estádio, mas a China Azul dará o troco no Mineirão, no jogo da próxima semana, empurrando o time rumo à semifinal do torneio sul-americano. “Vamos com o pensamento de decidir a vaga em dois jogos, o primeiro lá e o segundo em nossa casa. Temos que fazer um bom jogo, tentar marcar a boa equipe do River Plate e nosso objetivo é trazer de lá um bom resultado. Tenho certeza que a torcida vai lotar o estádio, mas com certeza a nossa fará isso no jogo da volta. Ela será nosso 12º jogador, como vem acontecendo nos últimos anos”, findou.
Os cruzeirenses compraram os 120 pacotes que foram disponibilizados pela agência Cruzeiro Esporte Tour para acompanhar o time em Buenos Aires. Por isso, a agência colocou, nesta segunda-feira, mais um voo à disposição da torcida. Porém, mais da metade dos 160 lugares já foram vendidos. O preço médio dos pacotes vendidos passa de R$ 2,7 mil.
O pacote inclui, além do voo para a capital argentina, estadia com café da manhã e ingresso para a partida. Vale lembrar que é proibida a venda de bilhetes no dia do duelo.

Leia Também

Imagem principal

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.