sexta-feira, 10 de Abril de 2015 10:03h

Cruzeiro tem vitória convincente diante do Mineros

A Nação Azul ficou bastante otimista com a apresentação da equipe celeste na noite desta quarta-feira, no Mineirão, quando o Tetracampeão Brasileiro goleou o Mineros de Guayana por 3 a 0

Os gols foram marcados por Arrascaeta, Leandro Damião e Henrique. Com o triunfo, o líder Cruzeiro abriu dois pontos na frente do Universitário de Sucre, segundo colocado do grupo 3 da Copa Libertadores.
Agora a Raposa volta a pensar no Campeonato Mineiro. Os jogadores se reapresentam às 16h, nesta quinta-feira, na Toca II, e começam os trabalhos visando o primeiro jogo da semifinal do estadual. O adversário será o Atlético-MG, domingo, às 16h, no estádio Independência.
Antes do treinamento haverá a apresentação do lateral-esquerdo Fabrício, que foi contratado por empréstimo nesta quarta-feira. O jogador falará a imprensa às 15h e vestirá a camisa mais vitoriosa do Brasil nos últimos anos.
O centroavante Leandro Damião, que marcou seu 11º gol na temporada, igualando a marca do ano de 2014, quando atuava pelo Santos, fez questão de exaltar a força do time celeste que conquistou o país e que deu muito orgulho à Nação Azul. “Foi um dos melhores jogos da nossa equipe na temporada, independente do adversário, todo mundo pegou e marcou, esse time foi muito perigoso na Venezuela, mas hoje, dentro de casa nós fizemos o nosso papel. Temos que jogar sempre assim, seja qual for o adversário, o Cruzeiro tem que ser maior sempre”, disse o goleador.
Autor do golaço de bicicleta que abriu o caminho para a vitória da Raposa, o uruguaio Arrascaeta jogou os 90 minutos da partida e foi um dos destaques. Além do tento marcante, o jogador deu assistências fantásticas e quase marcou outro golaço no fim do jogo, quando chapelou seu marcador e bateu a esquerda do gol venezuelano. “Estou muito contente pelo resultado e pela partida da nossa equipe. Pouco a pouco vou conhecendo melhor os companheiros, pegando mais confiança para que a equipe cresça como está acontecendo”, comemorou.
O volante Henrique fez uma grande partida, roubando várias bolas e aparecendo no ataque, tanto que fechou o placar ao marcar o terceiro gol do Maior de Minas, dando números finais ao jogo. O camisa 8 relembrou as boas atuações do Cruzeiro e valorizou a atuação dos companheiros. “Foi uma vitória onde nós jogamos e mostramos aquele futebol que estávamos devendo. Vai nos dar mais moral e será ótimo para a nossa autoestima, pois estávamos precisando. Então todos estão de parabéns pela dedicação e entrega. A atitude nossa foi diferente hoje. Ainda precisamos melhorar, mas foi um futebol com a cara do Cruzeiro”, completou.
Para o comandante cinco estrelas, o triunfo diante do Mineros dará uma confiança a mais ao Maior de Minas para a sequência de partidas importantes que enfrentará tanto na competição internacional, quanto no Campeonato Mineiro. “Foi um jogo muito bom. Nós fomos bem constantes e regulares durante todo o tempo. Roubamos mais bola hoje [quarta] do que nos dois últimos jogos e isso faz muito diferença. Tivemos apenas dois sustos desnecessários no primeiro tempo e um no segundo tempo, porque não matamos a jogada fora da área. No geral, foi uma boa partida, consistente, com jogadas pelos dois lados. Hoje era importante ganhar e nós vencemos com uma atuação convincente, e isso nos fortalece para os próximos jogos”, avaliou.
Um dos destaques da equipe celeste na atual temporada é Leandro Damião. Além de ser o artilheiro do Cruzeiro na temporada, com onze gols marcados, o atacante ainda tem se esforçado para ajudar os companheiros na marcação do time adversário. No triunfo diante dos venezuelanos não foi diferente e, além dele, todos os jogadores de frente também desempenharam esse papel.
Para o técnico da Raposa, esse fator foi primordial para a obtenção do resultado positivo no Mineirão. “O futebol está caminhando para isso, quando você não tem a bola, o atacante tem que ser o seu primeiro zagueiro e isso é feito nas grandes equipes do futebol mundial. O Damião tem feito muito bem esse papel, assim como o Arrascaeta, o Willian e o Alisson, que marcaram e também jogaram. Essa combinação de fatores fez a diferença na partida de hoje [quarta]”, concluiu.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.