segunda-feira, 22 de Agosto de 2016 12:51h Cruzeiro

Cruzeiro vence o Figueirense e se afasta da zona de rebaixamento

Com bastante aplicação e obediência técnica, o Cruzeiro venceu o Figueirense no estádio Orlando Scarpelli, em Florianópolis e se afastou da zona de rebaixamento.

O placar de 2 a 1 para a Raposa mostrou que a equipe segue em evolução no Campeonato Brasileiro e buscará maiores objetivos dentro da competição. Os gols do time celeste foram marcados por Henrique e Ramón Ábila, enquanto Ferrugem descontou para o time catarinense.

O Cruzeiro volta para Belo Horizonte nesta segunda-feira, e já inicia os trabalhos para a próxima partida do Campeonato Brasileiro. O adversário de domingo (28) será o Santa Cruz. O jogo acontece no Mineirão, às 11h.

O jogo

O jogo começou e o Cruzeiro logo abriu o placar. Aos três minutos falta no meio-campo. Robinho foi para a cobrança e lançou para a entrada da área, Manoel desviou e Henrique, de carrinho, empurrou a bola para o fundo das redes. 1 a 0 Cruzeiro.

O Figueirense atacou com perigo pela primeira vez aos 13 minutos. Dodô cobrou falta pela esquerda, Rafael Moura cabeceou no pé da trave e a bolavoltou para o meio, Marquinhos cabeceou novamente e Bruno Rodrigo salvou o que seria o empate.

O Cruzeiro voltou a atacar dois minutos depois. Ábila foi lançado na esquerda e tocou para Rafael Sóbis no meio, o atacante ajeitou e de perna esquerda chutou para o gol, Thiago bem colocado fez a defesa.

Aos 20 minutos, ótima trama do ataque celeste, Sóbis viu Edimar na esquerda que devolveu para Sóbis, o atacante serviu Robinho na entrada da área e ele ajeitou para o chute de Henrique. A bola passou muito perto do ângulo esquerdo da meta catarinense.

Onze minutos depois o Cruzeiro quase aumentou o placar. Robinho viu a passagem de Lucas pela direita e tocou, o lateral bateu para o gol, o goleiro rebateu e Ábila por pouco não completou para o gol.

Aos 37 minutos, o Cruzeiro chegou com perigo mais uma vez. Robinho cobrou falta ensaiada e lançou Arrascaeta na entrada da área, o camisa 10 pegou de primeira, por cima do goleiro e acertou a trave, no rebote a zaga afastou para escanteio.

 

Segunda etapa

A segunda etapa começou quente com o time da casa procurando empate. Logo no primeiro ataque Carlos Alberto arriscou de fora área e Lucas França fez boa defesa espalmando para o lado.

No ataque seguinte saiu o segundo gol da Raposa. Excelente chegada pela esquerda de Arrascaeta aos dois minutos. Ele viu a entrada de Robinho dentro da área, o meia recebeu cortou o zagueiro e bateu, Bruno Alves afastou quase dentro do gol, a bola voltou para Robinho que acertou a trave, mais uma vez no rebote a zaga afastou e Ábila, esperto, de cabeça, colocou para o fundo das redes. 2 a 0 Raposa.

Aos 13 minutos quase outro gol do Cruzeiro. Escanteio cobrado por Rafael Sóbis, a zaga afastou mal e Manoel dividiu com o zagueiro quase na linha do gol. A bola acabou sendo tirada para fora da área.

Dez minutos depois, lance de perigo para o Figueirense. Escanteio cobrado por Elvis, Rafael Moura cabeceou no ângulo e Lucas França fez excelente defesa colocando a bola para escanteio.

Aos 29 minutos outra grande defesa de Lucas França. Rafael Moura recebeu dentro da área, se livrou de Bruno Rodrigo e bateu de canhota, Lucas França, bem colocado, fez ótima defesa e a zaga afastou no rebote.

O Cruzeiro escapava nos contra-ataques. Aos 35 minutos Ábila foi lançado pela esquerda e viu a entrada de Marcos Vinícius pelo meio, o atleta que havia substituido Robinho, chutou por cima do gol catarinense.

O Figueirense buscou o primeiro gol e conseguiu através de Ferrugem. O volante tomou a bola de Henrique na intermediária avançou e bateu no canto direito do goleiro Lucas França, que nada pode fazer. 2 a 1.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.