terça-feira, 22 de Fevereiro de 2011 00:00h

Cruzeiro volta a campo hoje

O Cruzeiro encerrou a preparação para o segundo confronto na Copa Libertadores. A equipe estrelada realizou na manhã desta segunda-feira o último treino antes de ir a campo, para encarar o Guarani-PAR, em jogo que será disputado hoje, às 19h 15, na Arena do Jacaré.

O técnico Cuca abriu os trabalhos desta manhã com uma atividade tática, com ênfase em jogadas elaboradas e foco no fortalecimento do setor defensivo. Em seguida, o grupo estrelado disputou um rachão em metade do gramado, sem posicionamento definido.

A baixa na equipe celeste ficou por conta da ausência do meia Gilberto, que foi vetado pelo Departamento Médico, em virtude de uma tendinite no tornozelo esquerdo. Com a contusão, o jogador ficará de fora da partida contra o Guarani-PAR.

Com a saída de Gilberto, o lateral Diego Renan volta a equipe titular, no entanto com a possibilidade de exercer uma função nova. O jogador poderá ser utilizado no flanco direito, invertendo com Pablo, que pode atuar na lateral esquerda a fim de reforçar a marcação por aquele setor do campo.

A inversão de lados entre Diego Renan e Pablo, no entanto, não foi confirmada pelo técnico Cuca, embora tenha esboçado esta formação no treino da manhã. “Não está claro que seja assim, apenas porque sabemos que o adversário tem um lado um pouco mais forte em termos ofensivos e é normal que se tenha uma precaução em cima disso, por isso fizemos essa inversão, mas não tem nada definido”, disse.

Cuca explicou que lançar Pablo na esquerda e Diego Renan na direita pode ser uma alternativa para anular o ataque paraguaio, que, de acordo com o comandante da Raposa, cria muitas jogadas pela ponta direita. Para reforçar a marcação naquele setor do campo, o técnico do Cruzeiro pensa em usar o poder defensivo de Pablo.

“Se o adversário tem um ponta mais agudo de um lado, é natural que você vai colocar seu defensor mais forte naquele lado, se você tem essa polivalência, ela não te traz prejuízos. Ninguém vai improvisar, são dois jogadores que jogam tanto num lado quanto no outro e assim podemos dar uma estrutura melhor na parte defensiva, colocando um jogador que sabe defender melhor que o outro numa posição que achamos que seja ideal”, analisou.
O alto nível do elenco cinco estrelas foi exaltado por Cuca, que assegura estar tranquilo em relação à mudança com a saída de Gilberto e o retorno de Diego Renan ao time titular. O treinador celeste demonstra que o jovem atleta tem crédito no time. “Por isso sempre pleiteamos um grupo forte e não um time.

Perdemos o Gilberto, não adianta ficar aqui lamentando, temos que ter confiança em quem entra e nós temos confiança no Diego Renan. Ele vai jogar, é um atleta polivalente, tanto de um lado quanto do outro, assim como o Pablo, e vamos encaixá-los da melhor forma que imaginamos” finalizou.

Diego Renan mostra maturidade e entrosamento com a forma de trabalho de Cuca, ao compreender o opção do treinador ao retirá-lo do time, na goleada sobre o Estudiantes-ARG. O lateral garante estar preparado para ajudar o Cruzeiro a somar mais três pontos na Libertadores. “O grupo do Cruzeiro é muito forte, ficar no banco de reservas ou jogar é muito bom, por fazer parte deste time.

Eu tenho tranquilidade, sei que o treinador escolhe as opções certas para cada partida, pelo treino de hoje estou confirmado e me sinto pronto para entrar e ajudar a equipe da melhor maneira”, afirmou.
A delegação estrelada segue concentrada na Toca da Raposa II. Os jogadores ficam reunidos até a tarde, quando viajarão para Sete Lagoas.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.