sexta-feira, 4 de Setembro de 2015 10:09h

Cruzeiro volta a vencer no Brasileirão

O Cruzeiro acabou com o jejum de seis jogos sem vitória na temporada ao bater a Ponte Preta por 2 a 1, nesta quarta-feira, em Campinas

O resultado, conquistado no último minuto da partida, evitou que o time celeste entrasse na zona de rebaixamento nesta rodada e foi bastante comemorado pelos jogadores.

O volante Henrique destacou a garra da equipe, que lutou até o fim para buscar a vitória. “Espírito de luta, entrega, tem que ser assim. Doação, vontade. É esse espírito que queremos para buscar essa retomada e vencer as partidas”, ressaltou.

Apesar de ter assistido à partida em uma cabine do estádio Moisés Lucarelli, o técnico Mano Menezes chegou a conversar com os jogadores no vestiário, dando um apoio a Deivid, que comandou o time interinamente. Henrique contou que o novo treinador deu moral para o grupo. “Ele chegou, falou o que pensa, disse que a gente tem condições e qualidade para crescer. Sabe que o momento não é dos melhores, mas que confia no grupo”, disse.

Feliz por voltar a vencer, o zagueiro Bruno Rodrigo afirmou que o Cruzeiro foi premiado nos acréscimos pelas boas partidas que vinha fazendo, como na derrota para o Santos, no Mineirão, no fim de semana. “Poxa, até que enfim. É uma felicidade para o nosso time, que vinha jogando bem como foi na última partida. Agora, a gente conseguiu no último suspiro o gol da vitória para nos dar três pontos”, declarou.

O defensor espera que o resultado desta quarta seja o primeiro impulso para o Cruzeiro deixar a parte de baixo da classificação. “Tomara que seja uma vitória que nos traga mais força para subir na tabela”, observou.

Autor do gol salvador, aos 48 minutos do segundo tempo, o atacante Vinícius Araújo dedicou a vitória ao time e convocou a torcida para domingo, quando o Cruzeiro recebe o Figueirense, no Mineirão. “Acho que todo o grupo merece. A gente sabe da dificuldade e da cobrança. Precisávamos da vitória hoje. A gente vem batalhando, trabalhando firme, mas as vitórias não vinham acontecendo. Mostrando que a torcida tem que comparecer ao estádio e apoiar”, afirmou.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.