sexta-feira, 9 de Novembro de 2012 12:51h Gazeta do Oeste

Cuca disseca planejamento para 2013 e vê Galo na briga pelo título da Libertadores

O ano de 2013 poderá ser ainda melhor para o Atlético. É o que projeta o técnico Cuca, que planeja ter bons resultados e pensa na disputa do título da Copa Libertadores.

Para isso, o plano alvinegro é manter a base de jogadores, mudando o mínimo possível, e fazer contratações pontuais.

“Temos o Ronaldo, o Richarlyson , o Luiz Eduardo, o Danilinho, o Escudero, o Triguinho (com contrato próximo do fim). Os outros todos têm contrato. Isso é trabalho. Tem de dar parabéns para o Maluf. Em dezembro, você consegue contratar quatro ou cinco e o que é bom fica ótimo para o Atlético mudar de vez a história, ser campeão da Libertadores e ir ao Mundial. O projeto é esse. A condição que está sendo dada aqui é essa. É procurar não errar e melhorar a qualidade do time. Se fizermos isso, o ano que vem será melhor que este”, disse o treinador do Galo.

Cuca quer ter acréscimo de qualidade no seu elenco e também um ligeiro aumento numérico. “Depende de quantos saem. Ano eu vem vamos disputar um campeonato a mais. Temos que ter um número um pouco maior que 28, de repente trabalhar com 30, 31. Não me incomoda ter um grupo maior, desde que a qualidade também seja maior”, explicou.

O planejamento feito com antecedência e o trabalho de médio e longo prazo são armas do Atlético para alcançar seus objetivos. “Eu gosto de montar equipe. Aqui o orçamento é ótimo. Quando você começa o ano e monta do seu jeito, é natural que dê resultado. Tem 26 anos que o Atlético não começava e terminava com o mesmo treinador. Isso é um absurdo. São duas, três montagens de elenco por temporada. Mantendo, a chance de errar é menor”, afirma Cuca.

Renovação contratual

Cuca já pensa em 2013, mas ainda não está de contrato renovado. Seu atual vínculo se encerra em dezembro. Para o treinador, as negociações serão facilitadas.

“Não me incomodo com isso. Sou uma pessoa correta. Nunca sacaneei ninguém. Não vou acertar contrato nunca com outro clube sem conversar com o Atlético antes. Melhor preocuparem com outros. O meu é tranquilo. Vamos guardar energia para ganhar as últimas quatro partidas”.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.