quinta-feira, 27 de Setembro de 2012 09:42h Gazeta do Oeste

Cuca diz que tirou responsabilidade de Ronaldinho para jogo contra o Flamengo

Todos os olhos, no Engenhão, estavam voltados para Ronaldinho Gaúcho, no duelo entre Flamengo e Atlético. Por conta disso, a estratégia do técnico Cuca foi tirar a responsabilidade do meia e tentar fazer que os outros jogadores alvinegros se destacassem.

Mas o Flamengo venceu por 2 a 1, mostrando disposição em campo. O Atlético não jogou bem, muito por conta da boa marcação imposta pelo adversário.

“Ele (Ronaldinho) sofreu uma marcação implacável do menino Amaral. Foi pressionado, com vaias e chingos. Mas não houve nada de anormal. Não podemos reclamar. A torcida do Flamengo ajudou seu time, não fez nada diferente. Na preleção tentei tirar a responsabilidade dele, jogando para outros jogadores. No segundo tempo jogamos bem. No primeiro, não. Em cima disso, merecemos perder”, analisou Cuca.

“Falei para ele fazer o simples. Porque o simples dele já é diferente. Ele até teve uma chance. Mas não era nosso dia hoje”, complementou.

Ronaldinho defendeu o Flamengo entre o início de 2011 e meados deste ano e deixou o clube de forma polêmica. “É uma situação complicada, se você se colocar no lugar do jogador. Ele saiu do Flamengo, clube de massa, torcida entusiasta. O jogador acabou saindo e ele tendo ou não os direitos e razões dele... Não cabe a mim (julgar). Mas ele saiu. O jogo que era para acontecer lá atrás ficou para hoje. A conotação aumentou. O Flamengo em situação ruim, encheu o Engenhão por causa dos atenuantes que tem do jogo e do Ronaldo”, comentou Cuca.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.