segunda-feira, 24 de Setembro de 2012 08:38h Gazeta do Oeste

Cuca não vê motivo para Atlético se autopressionar na caça ao líder

Depois do empate sem gols com o Grêmio, que permitiu o Fluminense abrir vantagem de quatro pontos na liderança do Campeonato Brasileiro, o Atlético cumpre, nesta quarta-feira, contra o Flamengo, no Engenhão, jogo adiado da 14ª rodada, e tenta diminuir a diferença. O técnico Cuca não vê motivos para a equipe entrar em campo pressionada contra o Rubro-negro.

“A pressão aumentava no ano passado, quando, nessa altura, precisávamos de 20 pontos para não cair. Era uma pressão enorme. Hoje, não temos motivo para nos autopressionar. Estamos jogando bem, com exceção de domingo passado contra o Náutico. Estamos no caminho certo”, disse.

Dono da melhor campanha do primeiro turno, com 79% de aproveitamento e um jogo a menos, o Atlético sofreu queda de rendimento no returno: 42%. “Deu uma caída em termos de resultado, e vai dar uma subida. Vamos chegar até a última rodada brigando pelo título”, assegurou o treinador.

Como o Galo tem uma partida a menos, a retomada da liderança ainda depende apenas de suas próprias forças. O confronto direto com o Fluminense será na 32ª rodada, jogo previsto para o dia 20 de outubro, no Independência.

“Temos o confronto com o Fluminense aqui, temos um jogo atrasado nesta quarta-feira. Podemos ganhar. É difícil, mas podemos e, aí, a gente pode encostar”, disse.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.