sexta-feira, 3 de Maio de 2013 10:36h Superesportes

Cuca quer Galo focado no jogo de volta

Por um lado, a satisfação pela vitória do Atlético, por 2 a 1, no Morumbi. Mas o técnico Cuca também ressalta que, contra o São Paulo, o Galo precisa manter o alto nível de jogo no Independência, na próxima quarta-feira.

Por um lado, a satisfação pela vitória do Atlético, por 2 a 1, no Morumbi. Mas o técnico Cuca também ressalta que, contra o São Paulo, o Galo precisa manter o alto nível de jogo no Independência, na próxima quarta-feira.

“É um grande resultado e levamos uma vantagem muito boa para casa. Mas nada que nos deixe supertranquilos, porque o São Paulo é bom, voltam jogadores importantes”, analisa.

Cuca avisa que vai exigir empenho máximo do Atlético em todos os jogos decisivos. “Eu já sei como as coisas são difíceis e vamos viver isso até o fim, porque é difícil. Não podemos ser surpreendidos. Temos que fazer um jogo melhor ainda para passar adiante”, ressalta.

O treinador ainda fez a sua análise do triunfo alvinegro. “São Paulo começou melhor. Teve 18 minutos que nos envolveu. Não entendemos a movimentação deles e pecamos na marcação. Um volante saía deles e o meu volante saía para marcar e sobrava um deles. Depois, equilibramos a partida”, disse.

“O time do Atlético é técnico e soube valorizar a bola. Nós tivemos paciência, calma para desenhar uma jogada. Não era um jogo de velocidade para nós, porque o São Paulo estava bem postado atrás. Tivemos tranquilidade para desenhar o jogo. Perdemos uma ou duas chances, e mesmo assim fizemos o gol. O São Paulo não saiu muito para o jogo. E no finalzinho, ainda tivemos uma chance”, completou.

Dois fatores foram importantes para o Atlético, segundo Cuca. Primeiro, “entender” a maneira que o São Paulo atacava. Depois, a expulsão do zagueiro Lúcio.

“Os volantes do São Paulo estavam com liberdade e um meia deles flutuava atrás da minha linha de volantes. Depois entendemos e melhoramos. Tomamos corpo na partida. O Lúcio foi expulso e melhoramos na partida”.

Atlético e São Paulo voltam a se enfrentar na próxima quarta-feira, às 22 horas, no Independência. Quem passar pega Palmeiras ou Tijuana, do México, nas quartas de final. O primeiro jogo, fora do Brasil, ficou 0 a 0.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.