quinta-feira, 18 de Outubro de 2012 11:15h Gazeta do Oeste

Cuca vê campeonato em aberto, mas condiciona chance a vitória sobre Flu

Ao empatar com o Santos (2 a 2), o Atlético não aproveitou a chance de diminuir a distância para o líder Fluminense, que também ficou no 2 a 2, com Grêmio, e segue com nove pontos de vantagem. Restando sete rodadas, o técnico Cuca ainda acredita em chances de título para o Galo.

 

“Não é para comemorar (o empate com o Santos), mas não dá para ficar triste. Temos 60 pontos. O anormal é o Fluminense. O campeonato ainda está aberto. Faltam sete jornadas e a próxima é dentro da nossa casa. É um jogo decisivo. Temos que vencer para continuar com o sonho”, disse.

 

No domingo, o Atlético enfrenta justamente o Fluminense, no Independência. Só a vitória mantém a esperança.

 

“Tem de ganhar para ter condição de ser campeão. É inevitável. Agora, vamos pensar positivo que a gente ganha o jogo domingo. Baixa para seis pontos. Depois, o Fluminense tem o Coritiba em casa, o Palmeiras e o São Paulo, fora de casa, tem o Sport lá, o clássico com o Vasco. Eles também sabem que o campeonato não acabou. Tem muita coisa pela frente”, disse Cuca.

 

Dono da melhor campanha no primeiro turno, o Atlético caiu de rendimento no returno e viu o Fluminense subir de produção. “O Fluminense encaixou bem o time, teve sorte no jogo e de poder manter uma espinha dorsal quase sempre. Eu perdi muito, às vezes cinco jogadores de uma vez, para Seleção, suspensão, lesão”, lamentou Cuca.

 

 

 

 

 

 

 

 

SUPERESPORTES

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.