sexta-feira, 4 de Dezembro de 2015 10:22h

Deivid se torna nome provável para o lugar de Mano Menezes

Ex-jogador do clube em 2003, auxiliar de Luxemburgo durante a última passagem do técnico pela Raposa, treinador interino durante um jogo neste Campeonato Brasileiro e, desde o dia 4 de setembro, integrante da comissão técnica permanente do Cruzeiro

Deivid passa a ser, segundo Thiago Scuro, diretor de futebol cruzeirense, uma possibilidade para assumir o comando do time, caso Mano Menezes, de fato, deixe o clube rumo ao Shandong Luneng, da China. “Dentro do processo, o Deivid é um dos profissionais que vamos aprofundar a conversa. Deivid é sim uma das alternativas, considerando o conhecimento que ele já tem do clube”, destacou Scuro, antes de citar a contratação do ex-lateral direito Gary Neville pelo Valencia, oficializado nesta quarta-feira tendo contrato até o fim desta temporada europeia. “A gente tem inúmeros casos de grandes treinadores que assumiram grandes equipes e que tiveram sucesso. O Valencia hoje (nesta quarta) assinou com o Gary Neville como técnico principal sem nunca ter dirigido grande equipe. Temos inúmeros casos, como Pep Guardiola, em situação parecida. Meu grande sonho é construir um legado em que o clube tenha uma identidade mais forte do que o profissional que se sentar nessa cadeira”, completou.

Deivid, de 36 anos, deixou a condição de atleta em abril do ano passado, após ter defendido o Coritiba. Na oportunidade, ele afirmou que já trabalhava com a hipótese de se tornar técnico desde 2010, quando voltou a atuar no futebol brasileiro.

Guto Ferreira, que comanda a Chapecoense, e Diego Aguirre, que comandou o Internacional até agosto, também estariam entre as possibilidades. O primeiro garantiu, em entrevista à Rádio Globo de Minas pela manhã, que seria uma honra trabalhar no clube.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.