terça-feira, 22 de Setembro de 2015 13:49h

Deputados vão discutir preço do ingresso em jogos de futebol

Comissão de Esporte aprova requerimento para discutir o alto custo das entradas nas arenas esportivas mineiras

A Comissão de Esporte, Lazer e Juventude da Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) aprovou nesta terça-feira (22/9/15) requerimento do deputado Wander Borges (PSB) para debater, em audiência pública, o elevado preço cobrado pelos ingressos nas arenas esportivas em Minas Gerais. O presidente da comissão, deputado Anselmo José Domingos (PTC), ressaltou a importância da iniciativa, lembrando que o tema também deve ser lembrado nas discussões do Ciclo de Debates Muda Futebol Brasileiro, programado para novembro.

O presidente da Comissão de Esporte lembrou que, na programação do evento, que já teve cinco reuniões preparatórias, estarão ainda as diferenças na gestão entre o futebol mundial e o brasileiro, o futebol amador e o de base e até mesmo a qualidade das arbitragens. “A Comissão de Esporte está participando ativamente da organização do evento. Um dos temas mais preocupantes é a questão da arbitragem, já que, a cada rodada, este tem sido o assunto mais comentado, ao contrário dos lances do jogo e do placar”, destacou.

Na mesma linha, o vice-presidente da comissão, deputado Geraldo Pimenta (PCdoB), lembrou que a corrupção no futebol também merece ampla discussão. “Felizmente, ventos democráticos estão soprando neste momento para o bem do futebol, tanto que um alto dirigente da Fifa, que já humilhou o Brasil, acaba de deixar a entidade em meio a denúncias de participar de um esquema de venda de ingressos”, lembrou, em alusão ao secretário-geral, o francês Jérôme Valcke.

Por fim, o deputado Fábio Avelar Oliveira (PTdoB) também ressaltou a importância do ciclo de debates, comemorando a oportunidade de debater o futebol amador e o de base, lembrando a atuação da comissão na luta pela volta das partidas preliminares nos jogos de futebol profissional no Estado.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.