quarta-feira, 24 de Dezembro de 2014 06:18h Atualizado em 24 de Dezembro de 2014 às 06:20h. Site oficial do Internacional

Diego Aguirre apresentado como novo técnico do Inter

O novo técnico do Internacional Diego Aguirre foi oficialmente apresentado na tarde desta terça-feira (23/12), no Beira-Rio

Acompanhado pelo presidente Vitorio Piffero e o vice-presidente de futebol Luiz Fernando Costa, o treinador uruguaio concedeu entrevista coletiva na Sala de Conferência do Gigante e falou um pouco sobre os objetivos que terá à frente do comando do time colorado.

Atacante do Inter entre 1989 e 1990, Aguirre teve participação importante no Gre-Nal do Século, disputado em 1989, pela semifinal do Brasileirão. E este histórico clássico foi rememorado ao final da coletiva desta terça, quando Diego foi presentado com uma camiseta do Inter com seu nome e o número 15, o mesmo utilizado na vitória por 2 a 1, de virada, sobre o rival. "O bom filho à casa volta. Ele tem as raízes aqui, já havia nos visitado em outubro. Tenho certeza que terá muito sucesso aqui", disse Luiz Fernando Costa ao entregar o presente.

Confira os principais trechos da entrevista:

Confiança e motivação

"Estou muito feliz por estar aqui em Porto Alegre e na minha casa, o Internacional. Tenho muito confiança em fazer um grande trabalho e ajudar o Inter a brigar por títulos. Me preparei muito e creio que estou em um grande momento para ser treinador do Inter. Estou tranquilo em ter aceitado o desafio. É um grande privilégio treinar um clube deste tamanho. O Inter é muito grande e tem muitas opções, então ser uma destas opções é motivo de orgulho para mim. Pouco importa ser a primeira opção."

Estilo de trabalho

"Minha filosofia de jogo é o futebol moderno. Tem que tentar jogar bonito, mas o mais importante é ganhar o jogos e os títulos. Tem que equilibrar as coisas. É preciso ter uma boa defesa, trarbalhar todas as linhas. Nem sempre o time que joga mais bonito vence. O mais importante é o dia a dia do trabalho. Gosto de colocar em prática no domingo tudo o que trabalhamos nos treinamentos da semana. Daí fico feliz."

Desafio no Brasil

"Treinar um clube brasileiro é um desafio muito grande para mim. Sei que aqui tem muita exigência. Há um campenato muito difícil, extremamente competitivo. Espero que, pela primeira vez, um treinador estrangeiro triunfe no Brasil, pois isso acontece no mundo inteiro. O Brasil não pode ficar de fora."

Conhecimento sobre o grupo

"Tenho assistido alguns jogos. Tenho conhecimento de praticamente todos os jogadores do grupo. É difícil falar um a um as carcateristicas, mas é certo que temos um grande time. Conheço bem os jogadores brasileiros. Não é algo novo para mim. Tenho um conhecimento da mentalidade deles e vou procurar adapatar isso para o que for melhor para a equipe.Vamos buscando as melhores opções a partir dos jogadores que tivermos. Quem estiver melhor, vai jogar."

Nilmar, um velho conhecido

"Tive a oportunidade de trabalhar dois anos com ele (no Catar). É um grande jogador e uma grande pessoa. O Nilmar é muito importante e pode fazer uma grande temporada pelo Inter. Confio muito nele."

Gana pela Libertadores

"A Libertadores é a glória máxima para uma equipe. Sei da importância que tem para o Inter e para sua torcida voltar a ser campeão da América. A edição de 2015 vai ser difícil porque todos os grandes e tradicionais times estarão presentes. Vamos dar o máximo para o Inter brigar até o final por este titulo."

Ficha técnica:

Nome: Diego Vicente Aguirre Camblor
Nascimento: 13/09/1965 – 49 anos
Natural: Montevideo, Uruguai

Clubes que jogou: Liverpool (URU) 1985, Peñarol (URU) 1986/87, Olympiacos FC (GRE) 1988/89, Internacional 1989/90, São Paulo 1991, Independiente (ARG) 1991/92, Peñarol (URU) 1992, Bolívar (BOL) 1993, Marbella (ESP) 1993/94, Ourense (ESP) 1995, River Plate (URU) 1996/97, Temuco (CHI) 1998 e Rentistas (URU) 1999.

Clubes que treinou: Plaza Colonia (URU) 2002, Peñarol (URU) 2003/04, Aucas (ECU) 2006, Wanderers (URU) 2007, Seleção SUB-20 do Uruguai 2008/09, Peñarol (URU) 2010/11, Al-Rayyan (QAT) 2011/13 e AL-Gharafa (QAT) 2014.

> Saiba mais sobre sua trajetória como técnico

Títulos conquistado como jogador

Peñarol: Campeonato Uruguaio – 1986 e Copa Libertadores da América - 1987
Títulos Conquistado como treinador:
Penãrol: Campeonato Uruguaio – 2003/2009/2011
Al-Rayyan: Campeão da Copa do Príncipe – 2012/2013 e Campeão da Copa da Liga – 2012

Curiosidades e fatos relevantes da carreira

• Diego Aguirre fez o gol do último título da Copa Libertadores da América do Penãrol, em 1987.
• Em 1989 Diego disputou o Grenal do século, válido pela semi-final do brasileiro daquele ano.
• Em 2011 foi finalista da Copa Libertadores da América, com o Peñarol e perdeu para o Santos, de Neymar na final.
• No AL-Rayyan do Qatar, Diego Aguirre treinou Nilmar.
• O melhor treinador que já treinou Diego foi Oscar Tabárez, no Penãrol de 1987.
• A meta que o treinador segue é sair campeão de todos os campeonatos que disputar.

Técnicos estrangeiros na história do Inter

1926 - Tito Arreguy (Uruguai)
1930 - Miguel Genta (Argetina)
1932 - Miguel Genta (Argetina)
1933-34 - Jean Ryff (Suíça)
1937 - Isaac Goldenberg (Áustria)
1942 - Ricardo Diéz (Uruguai) * Foi campeão gaúcho
1944 - Darío Letona (Peru)
1946 - Darío Letona (Peru)
1946-48 - Carlos Volante (Argentina) * Foi bicampeão gaúcho em 1947 e 1948
1949 - Felix Magno (Uruguai)
1950 - Alfredo González (Argentina) * Foi campeão gaúcho
1966 - Felix Magno (Uruguai)
1996 - Pedro Rocha (Uruguai)
1996 - Elías Figueroa (Chile)
2010 - Jorge Fossati (Uruguai)

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.