quinta-feira, 23 de Maio de 2013 06:31h Luciano Eurides

Divinopolitano é campeão de Jiu-Jitsu no Rio de Janeiro

O atleta Ruan Alvarenga, de 14 anos, há dez é campeão pela Federação Mineira de Jiu-Jitsu.

O atleta Ruan Alvarenga, de 14 anos, há dez é campeão pela Federação Mineira de Jiu-Jitsu. Ele é o atual campeão brasileiro da categoria e já está consolidado também na capital do Rio de Janeiro onde participou de duas etapas do Campeonato Carioca e venceu as duas. Este ano ainda venceu uma etapa do Campeonato Mineiro e se prepara para o Sul Brasileiro que será no estado de Santa Catarina.

O pai dele, professor Iran Brasileiro, analisou a luta do filho com experiência e emoção. “Depois de ver meu filho sagrar-se campeão Brasileiro de Jiu-Jitsu pela Confederação Brasileira de Jiu-Jitsu (CBJJ) é claro hoje não resiste, ele foi o melhor peso médio da sua idade no Brasil, mas no Iate Clube Jardim Guanabara, com duas grandes finalizações foi campeão Carioca dos meio pesados. Era para eu me emocionar como emociono no Mineiro e em outros Cariocas que ele já venceu como peso médio, e até o Brasileiro em uma final eletrizante, mas o que me fez chorar não foi nem as duas lindas finalizações que ele fez, mas a medalha e a camisa com o nome e foto do mestre Hélio Graicie, meu filho agora é seu campeão mestre”, declarou.

Garoto tímido, de voz mansa e olhar cativante. Como ressaltou Iran, na atualidade não há atleta do nível dele na região, estado e quem sabe no país. Caminho que pode o levar longe, ele calmamente deseja apenas viver da luta, algo que ele gosta e deseja como profissão. “Eu lutei o campeonato carioca e peguei primeiro, o Samuel (Rocha) ficou em segundo e ganhou quatro lutas e meu pai (Iran Brasileiro) esteve conosco. Treinamos muito para isso e estou dando preferência para o campeonato do Rio de

Janeiro que é mais disputado, mas lutarei o mineiro também. Foram três etapas no Rio, fui a duas e venci as duas, lá são seis etapas no ano e em meses alterados e tenho de ganhar quatro e vou ganhar, estou treinando muito. O brasileiro foi assim, fui ano passado não deu certo, esse ano treinei ainda mais, hoje treino de segunda a sábado e às vezes o domingo, os treinos são a tarde e a noite na

Pantera Negra com meu pai e a tarde com Leandro (Beinroth) no bairro Niterói. A meta é Santa Catarina e preciso de alguém para ir comigo, estou treinando, nem descansei essa semana, vou sim”, falou.

Ruan Alvarenga hoje recebe um patrocínio e muitos apoiadores, os quais ele agradece e antecipa que é necessário mais quando se quer chegar mais longe. “Eu tenho Pezom Figthwear e me ajuda muito, mas preciso de mais, sempre pessoas ajudam a Bioderme, Casa Útil, Hulk que treina comigo, amigos de meu pai, Calisto e outros. A viagem fica muito cara, para Santa Catarina cerca de dois mil reais, sempre tem de tirar algo do bolso, é o que eu gosto, é o que eu quero, viver disso”, contou.

Sênior

O Cabo da Polícia Militar Claudinei Fiúza Diniz, da 240ª Companhia Tático Móvel/ 23º Batalhão da Polícia Militar, de Divinópolis foi o vencedor da 2ª etapa do Campeonato Mineiro de Jiu-Jitsu 2013, categoria sênior 1, super pesado, faixa roxa. O evento aconteceu no domingo, dia 19 de maio, no Ginásio do Mineirinho, em Belo Horizonte, com a participação de mais de 50 equipes filiadas a Federação Mineira de Jiu-Jitsu - FMJJ e mais de 500 atletas de todo o estado. O Campeonato Mineiro é dividido em cinco etapas. O atleta que obtiver o maior número de vitórias será Campeão Mineiro pela FMJJ e os primeiros colocados garantem vaga para o Campeonato Mundial que será realizado na cidade do Rio de Janeiro.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.