terça-feira, 16 de Dezembro de 2014 05:17h Atualizado em 16 de Dezembro de 2014 às 05:20h.

Divinopolitano Guilherme Xavier pode estrear no América contra o Guarani

Ao atingir a idade limite da categoria Júnior, o versátil Xavier não pôde mais atuar pela equipe Sub-20 do América

Capitão da equipe campeã da Taça BH deste ano, o jovem meio-campo é tido como uma das principais revelações do clube e teve seu contrato renovado para retornar após as férias entre os profissionais do Coelho.
Há sete anos no clube, o polivalente faz planos de conquistar seu espaço e vestir a tradicional camisa americana no Campeonato Mineiro. Ele se diz feliz e ansioso com a oportunidade e ressalta que tudo só foi possível pelo bom trabalho desenvolvido juntamente com seus colegas, que também devem ter oportunidade no time profissional.
“Teve o ano todo para a gente se destacar e fazer nosso trabalho. Conseguimos o título da Taça Belo Horizonte, a maioria que estava jogando era o pessoal de último ano. Então, acho que deu para ter um feedback bacana do time profissional e da Diretoria. São sete ou oito anos de base com aquele sonho de ser jogador de futebol e a cada dia estou chegando mais próximo”, comemora Xavier.
No grupo profissional, Xavier terá a companhia do artilheiro da Taça BH (9 gols), Sávio, que já integra os profissionais e foi relacionado para algumas partidas na Série B. O atacante comenta que o aprendizado no time principal é essencial e que dará total apoio aos jogadores que, assim como ele, buscam espaço no time. Sávio conta que presta atenção em todos os conselhos que recebe dos companheiros mais experientes para começar a trilhar sua história com a camisa americana e que Xavier e as demais revelações devem fazer o mesmo.
“Eles [jogadores mais experientes] conversam muito comigo, principalmente o Mancini, me dão muitos conselhos. A experiência que eles têm, tentam passar um pouco para a gente. Não ficar afoito em campo, ter calma, fazer o que a gente sabe e dar ritmo no jogo são algumas das dicas. A gente subiu agora, tem que fazer o máximo possível para conseguir o nosso espaço. Eles falam muito para a gente dar o máximo nos treinos e quando surgir a oportunidade, estar bem preparado e aproveitar”, conta o artilheiro.
O time comandado por Givanildo Oliveira, que se reapresenta no dia 5 de janeiro, deve contar ainda com outras peças promovidas recentemente do time Júnior que lutarão por espaço no grupo do Campeonato Mineiro.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.