sexta-feira, 25 de Março de 2016 07:50h

Duelo da Seleção coloca em campo dois dos integrantes do trio MSN

Sorte dos torcedores do Barcelona que podem ter Messi, Suárez e Neymar. Mas quando dois do trio MSN se enfrentam, a expectativa é de um duelo entre craques

É o que vai acontecer nesta sexta-feira, às 21h45, na Arena Pernambuco, no Recife, quando Neymar e Suárez serão adversários durante 90 minutos. Além dos três pontos na corrida por uma vaga na Copa do Mundo de 2018, há uma motivação extra para os dois amigos. O jogo vale uma aposta: quem perder o jogo, além da decepção, terá que pagar um hambúrguer para o outro.
Os dois vivem momentos excelentes e são ídolos nacionais. Neymar marcou quatro gols nos últimos três jogos com a camisa do Barcelona. Suárez tem a incrível marca de 43 gols marcados em 43 jogos pelo clube catalão. E, como motivação extra, retorna à seleção uruguaia após 21 meses de suspensão por ter mordido o italiano Chiellini, jogador da Juventus, durante a Copa de 2014.

 

 


O episódio ainda é motivo de preocupação do técnico da seleção uruguaia, Óscar Tabárez. “Vamos passar tranquilidade para ele. Estamos sempre falando para ter cuidado, pois algumas coisas graves aconteceram e a gente espera que isso não se repita”, disse.
O recado parece ter sido entendido. “Vou voltar jogando com a mesma atitude, brigando por todos os lances, mas com mais moderação e inteligência”, prometeu o maior goleador da história da seleção uruguaia, com 44 gols e ídolo de um país de tal forma que seus erros acabam sendo deixados de lado pelos uruguaios. A raça em campo e o orgulho que demonstra ter por seu país parecem superar tudo de negativo que ele possa fazer.
A disputa entre Neymar e Suárez para saber quem é mais importante para o clube e suas seleções habita o imaginário dos torcedores, mas entre eles é corriqueiro o elogio mútuo.

 

 

 


“Neymar é espetacular. Está atrás de Messi, mas pode perfeitamente ser o segundo melhor do mundo. Está fazendo coisas incríveis e isso nos orgulha, pois temos um bom relacionamento”, disse o artilheiro uruguaio em entrevista coletiva na última terça-feira.
Neymar, em entrevista à TV Globo, também encheu a bola do companheiro: “Levamos a afinidade de fora de campo para dentro e isso está dando resultado. A gente fica feliz quando o outro faz gol e nos ajudamos bastante”.

 

 

Apostas e vitórias
Apesar de estarem entre os jogadores de futebol mais bem pagos do planeta e em seus pés estarem a confiança das torcidas de Brasil e Uruguai, Neymar e Suárez se divertem com desafios quase infantis, como a aposta do hambúrguer para o vencedor do jogo desta sexta, conforme Suárez revelou na entrevista que deu na última terça.
Perder não é algo comum para nenhum deles. A última vez que saíram de um campo derrotados foi no dia 3 de outubro do ano passado, quando o Barcelona perdeu por 3 a 1 do Sevilla, pelo Campeonato Espanhol. De lá para cá, Neymar jogou 32 partidas, sendo duas pela seleção. Foram 28 vitórias e quatro empates. Já Suárez, fez 35 jogos, todos pelo Barcelona, e soma 30 vitórias e mais cinco empates. O uruguaio não tem boas lembranças de seus confrontos com a seleção brasileira. Ele perdeu nas três oportunidades em que atuou contra o Brasil, em 2007, 2008 e 2013.

 

 


Messi, a principal estrela da constelação do Barcelona vai jogar pela seleção argentina nesta quinta, contra o Chile. Logo, é provável que ele acompanhe o confronto entre os amigos. “Jogar com o Neymar e com o Luis Suárez é maravilhoso. Nos damos muito bem dentro e fora de campo e somos amigos de verdade. Isso é fundamental para nos permitir fazer tudo que a gente faz em campo”, contou o atacante, em entrevista ao site da UEFA.
Neymar e Suárez não se assemelham apenas pelo dom de fazer gols. Fora de campo, também precisam lidar com muita pressão. O uruguaio ficou marcado pelas mordidas nos adversários e episódios racistas, isso faz com que exista uma desconfiança geral de que, a qualquer momento, ele pode “atacar” novamente. Quanto a Neymar, a polêmica sobre acusações de sonegação fiscal parece não estar influenciando sua atuação em campo.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.