quarta-feira, 15 de Agosto de 2012 22:49h Gazeta do Oeste

Em jogo de três bolas na trave, Galo empata com o lanterna em Goiás

Como o técnico Cuca avisou , o Atlético teve jogo de dificuldade contra o Atlético-GO. O resultado final foi de empate por 1 a 1, na noite desta quinta-feira, no Serra Dourada.

Como o técnico Cuca avisou , o Atlético teve jogo de dificuldade contra o Atlético-GO. O resultado final foi de empate por 1 a 1, na noite desta quinta-feira, no Serra Dourada.

 

Ernandes abriu o placar no início do jogo. Ainda no primeiro tempo, Bernard empatou. Antes, Joílson, do Dragão, havia sido expulso.

 

O Galo mantém a liderança e agora soma 39 pontos. Até o momento, a rodada é positiva, já que o Fluminense apenas empatou contra o Cruzeiro. O Vasco enfrenta o Coritiba nesta quinta-feira.

 

Na próxima rodada, o Atlético enfrenta o Botafogo, no Independência, domingo, às 16 horas. O Dragão recebe o Palmeiras, em casa, no mesmo dia, às 18h30.

 

Primeiro tempo: gols e expulsão

 

Foram muitos ingredientes que deixaram o jogo entre o líder e o lanterna apimentado, no primeiro tempo. A começar pelo fato de o Atlético-GO ter aberto o placar.

 

Logo aos 9 minutos, Ernandes arriscou de fora de área e Victor não alcançou. O chute longo balançou as redes alvinegras após quatro rodadas invictas.

 

No lance seguinte, o Galo quase chegou ao empate, mostrando não ter se abatido. Guilherme recebeu passe de Jô e quase marcou, dentro da área. O Dragão ainda teve chance com Rayllan, que fez boa tabela e se aproveitou de desatenção da defesa alvinegra para ficar cara a cara com Victor. Mas o camisa 10 finalizou para fora.

 

Aos 20 minutos, um lance crucial para o seguimento do jogo. Joílson deu uma cotovelada em Leandro Donizete fora da disputa de bola. Um auxiliar de arbitragem alertou Marcos Penha, que deu o cartão vermelho para o meia goianiense.

 

A partir de então, o Galo dominou as ações ofensivas e teve boas chances para marcar. Jô perdeu um gol aos 27 minutos, após boa proteção e giro dentro da área. Mas, no mesmo lance, a bola foi novamente cruzada para a área, por Leandro Donizete, e Bernard completou de cabeça, igualando o placar.

 

Depois, a trave impediu dois gols de Jô. Aos 31, ele aproveitou a sobra de uma bola prensada de Ronaldinho com a defesa e bateu colocado, no canto do goleiro Márcio, na trave. Aos 45, de cabeça, ele finalizou em busca da virada e a trave novamente atrapalhou.

 

Segundo tempo: ferrolho do Dragão

 

A proposta de jogo do Atlético-GO para a etapa final foi defensiva. Na maior parte do tempo, o Galo tinha a posse de bola e encontrava dificuldades para entrar no ferrolho goianiense, onde todos os 10 jogadores ficavam atrás da linha da bola.

 

Em um dos poucos lances de perigo, Guilherme recebeu ótimo lançamento de Ronaldinho. O camisa 10 teve boa chance de marcar, mas chutou para o alto.

 

Cuca tentou ganhar qualidade ofensiva com a entrada de Escudero no lugar de Leandro Donizete, aos 20 minutos. Em seguida, o Galo melhorou e teve duas chances em cruzamentos rasteiros feitos da esquerda. Mas os lances não foram bem concluídos.

 

Aos 28 minutos, a terceira bola na trave do Galo no jogo. Aconteceu em chute longo do volante Pierre. Outro lance de perigo foi com cruzamento de Richarlyson, aos 35. Jô cabeceou e Márcio defendeu.

 

Jô ficou no quase, de novo, aos 41 minutos. Ele raspou a cabeça na bola em cruzamento de Carlos César. De forma dramática, a bola passou ao lado do gol de Márcio.

 

ATLÉTICO-GO 1 X 1 ATLÉTICO

 

Atlético-GO: Márcio; Diogo Campos (Vanderlei), Gustavo, Reniê e Diego Giaretta (Gabriel); Dodó, Ernandes, Joílson, Marino e Rayllan (Carlos); Felipe. Técnico: Jairo Araújo

 

Atlético: Victor, Marcos Rocha, Rafael Marques, Réver e Junior César (Richarlyson); Pierre, Leandro Donizete (Escudero), Bernard e Ronaldinho; Guilherme (Carlos César) e Jô. Técnico: Cuca

 

Gols: Ernandes (ACG), 9min/1ºT; Bernard (ATL), 27min/1ºT
Cartões amarelos: Guilherme, Escudero, Marcos Rocha (ATL), Diego Giaretta, Carlos (ACG)
Cartão vermelho: Joílson (ACG), 20min/1ºT
Público: 7.729 pagantes

 

Motivo: 17ª rodada do Campeonato Brasileiro
Local: estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO)
Data: 15 de agosto de 2012, quarta-feira, às 20h30 horas (de Brasília)
Árbitro: Marcos André Gomes da Penha
Assistentes: Fabiano da Silva Ramires e César Augusto de Oliveira Vaz

 

 

 

 

 

 

 

SUPERESPORTES

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.