sexta-feira, 27 de Maio de 2016 13:49h Site oficial America-MG

Empate negativo para Givanildo Oliveira

Técnico diz que erros na defesa e no ataque provocaram o empate

O América deu mostrar de que conquistaria sua primeira vitória no Campeonato Brasileiro na fria noite de quarta-feira (25), na Arena Independência. O time americano saiu na frente com gol do atacante Victor Rangel, no segundo tempo, ficou com um jogador a mais em campo, mas acabou cedendo o empate quase no final da partida. Por tudo isso, o empate em 1 a 1 com o Vitória foi considerado negativo na análise do técnico Givanildo Oliveira.

O comandante americano lamentou bastante o vacilo da equipe no lance do gol que permitiu o empate do adversário. Ele afirmou que a partida estava a favor do Coelho naquele momento do jogo, mas os erros no ataque e na defesa atrapalharam.

 

 

 

 

“É negativo, sim (o empate), pela situação dos dois primeiros jogos. Você faz dois jogos, não pontua, e tem uma chance dessas. Por conta de como estava a partida, pela situação de ficar com um a mais e, principalmente, pela situação de poder ter matado o jogo com o segundo gol. E daí a gente toma um gol esquisito daquele. Eu acho que nós vacilamos no gol deles e por isso nós sofremos o empate em um jogo que estava a nosso favor, principalmente depois da expulsão. Em casa, com um a mais, mas infelizmente deixamos acontecer o empate”, analisa.

Givanildo Oliveira afirmou que o resultado aconteceu principalmente devido a três falhas decisivas do time americano. O treinador citou as duas grandes chances desperdiçadas pelo Coelho com o meio campo Rafael Bastos e o lateral esquerdo Danilo e também o lance do gol adversário.

 

 

 

 

O treinador sabe que o time não pode ficar mais tempo sem vencer e enfatiza que o Coelho deve reagir no Brasileirão o mais rápido possível.

“Hoje nós tivemos tudo para ganhar. Nós não ganhamos porque tivemos três falhas. Uma com o lance do Rafael, que poderia ter feito o gol; a outra com Danilo e, depois sofremos o gol. Tínhamos tudo para sair com a vitória. Nós não podemos ficar quatro, cinco, seis jogos sem ganhar aí não dá. Então nós temos que reagir o mais rápido possível, mas eu tinha uma convicção que hoje a gente poderia sair com a vitória e tivemos tudo para isso. Infelizmente não aconteceu”, lamenta o treinador.

 

 

 

REAPRESENTAÇÃO

O América agora terá que buscar sua primeira vitória no Brasileirão na próxima partida, no clássico contra o Cruzeiro, sábado (28), às 16h, no Mineirão. A preparação para o próximo jogo se inicia na manhã desta quinta-feira (26),  às 10h, quando os jogadores americanos se reapresentam no CT Lanna Drumond.

© 2009-2016. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.