quinta-feira, 29 de Setembro de 2011 13:42h Luciano Eurides

Equipe do CSU retoma momentos históricos do futebol divinopolitano

O Centro Social Urbano (CSU) Interlagos sempre revelou bons jogadores para o futebol da cidade, local onde nasceram grandes equipes e se orgulha de ter saído daquele campo o atleta profissional Fabrício. Ele hoje defende o América Mineiro, antes nacionalmente conhecido pela disputa da Libertadores da América com o Clube Atlético Paranaense. Depois de muito ficar na história a categoria pré-mirim retoma o caminho vitorioso e já está na grande final da Copinha Divinópolis 2011.


A categoria 2000/2001 enfrentou o tradicional time do Vasco na semifinal e venceu por 1 x 0,  com o gol do atleta João Victor (Bombinha). A equipe fez cinco jogos e conseguiu cinco vitórias, e teve como destaque os atletas: Vinícius (atacante), Gabriel (meio-campista) e Igor (zagueiro). Segundo, Luiz Carlos o trabalho desenvolvido com iniciação esportiva tem refletido positivamente nas equipes competitivas do município.


O grupo treinado pelo professor Luiz Carlos G. da Silva, com coordenação técnica de Antônio Leopoldo “Toninho”, auxiliado por Pedro Guilherme Vargas, chega a final, após uma excelente campanha. “Quero agradecer a toda a equipe da SEL, principalmente aqueles que estão dia a dia envolvidos diretamente com as equipes do C.S.U., aos atletas e aos pais que estiveram apoiando nosso trabalho desde o início”, declarou o treinador.


Para ao secretário de Esporte e Lazer, Rômulo Duarte, os resultados apresentados são frutos de um trabalho planejado e bem organizado. "O resultado desde já, evidencia o formato de trabalho de nossa Gestão voltada para o desenvolvimento do esporte público. Os avanços estão ai, e no caso especifico do futebol sempre foi uma prioridade do Prefeito Vladimir Azevedo. Estamos contentes e agradecidos com a comissão técnica, pais e principalmente estes atletas que nos enchem de orgulho", afirmou o secretário.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.