sábado, 25 de Janeiro de 2014 04:43h

Ewerton Ribeiro quer vaga na Seleção Brasileira

Melhor jogador do Campeonato Brasileiro do ano passado e responsável direto pela conquista do terceiro título da Raposa na competição nacional, o meia Everton Ribeiro espera uma temporada de 2014 ainda mais positiva.

Melhor jogador do Campeonato Brasileiro do ano passado e responsável direto pela conquista do terceiro título da Raposa na competição nacional, o meia Everton Ribeiro espera uma temporada de 2014 ainda mais positiva e não esconde o objetivo de garantir uma vaga na seleção brasileira para a disputa da Copa do Mundo no Brasil.

“É um time mais maduro, que já se conhece, apesar de ter feito um grande ano em 2013. Podemos melhorar e vamos nos aprimorar para chegar voando dentro de campo. Tenho que fazer o meu melhor para também tentar chegar à seleção”, afirmou o armador, que vislumbra mais uma grande partida do time na estreia na competição estadual, contra a URT.

“Vamos entrar focados e impor o nosso ritmo para vencer o jogo e manter o bom aproveitamento na estreia. Tenho que começar com tudo, no domingo, no Mineiro, e continuar crescendo a todo o momento. Quando puder jogar, vou me dedicar ao máximo para ser lembrado pelo Felipão”.
A possibilidade de Neilton chegar ao Cruzeiro antes do fim de seu contrato com o Santos, em maio, foi rechaçada pelo presidente Gilvan de Pinho Tavares. Segundo o mandatário, o clube paulista pede alto valor para liberar o atacante.
No entanto, Gilvan demonstrou confiança de que a proposta feita pelo Cruzeiro a Neilton leve o atacante à Toca da Raposa após o fim de seu vínculo com o Santos. “Ele tem contrato até maio. Não vamos atropelar as coisas e atrapalhar o bom relacionamento que temos com o clube dele. O Santos aceita liberar, mas mediante indenização muito alta. E outros clubes, do Brasil e do exterior, estão interessados. Mas tenho esperança que essa preferência que já foi manifestada prevaleça até maio e, dessa forma, ele venha para o Cruzeiro”, disse o presidente, em entrevista veiculada pela rádio Itatiaia.
O empresário de Neilton, Hamilton Bernard, revelou que, para o atacante ser liberado pelo Santos antes do fim de seu contrato, o clube da Vila terá de receber uma compensação financeira e manter 30% dos direitos econômicos.

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.