quarta-feira, 1 de Agosto de 2012 09:58h Gazeta do Oeste

Fabiana Murer coloca como objetivo saltar 4,80m e tira pressão por medalhas

A atleta brasileira de salto com vara Fabiana Murer colocou como objetivo alcançar a marca de 4,80m nestes Jogos Olímpicos de Londres. Segundo a saltadora, tal feito, provavelmente, faria com que a brasileira conquistasse uma medalha nas Olimpíadas 2012.

 

 

“Devo começar a saltar com 4,55m e a zona de classificação para a próxima fase é de aproximadamente 4,65m. Acho que com 4,80m terei condições de conquistar uma medalha. Este é o objetivo”, afirmou.

 

No entanto, apesar de ter tal marca como foco, Murer tirou a pressão pela conquista de medalhas. “Tem várias atletas que tem condições de saltar 4,80. Pelo menos umas seis ou sete atletas. Acho que eu tenho que ir lá e fazer o meu melhor. Uma coisa de cada vez para depois podermos falar se teremos condições de medalha ou não. Eu sei que depende só de mim, mas antes tenho que ficar tranqüila”, declarou.

 

 A atleta brasileira revelou que chega a Londres bem preparada e otimista, principalmente devido aos bons resultados nas ultimas competições que participou. “As competições que fiz em pistas abertas foram suficientes. Acertei as varas e chego aqui bem. As competições foram bem difíceis, mas entrei no clima de competição. Então chego totalmente motivada e me sinto pronta para competir. Estou em uma ótima forma, tanto tecnicamente, como fisicamente. Ganhei bastante experiência neste ciclo olímpico e fui aprendendo a competir”, explicou

 

 Ao ser questionada sobre a grande estrela mundial do salto com vara, Yelena Isinbayeva, Murer diz que nunca se pode descartar a russa e a coloca como uma das candidatas a conquistar uma medalha em Londres. “Ela está em ótima forma e se preparou para isso (Olimpíadas). Acho que ela tem condições de chegar aqui e brigar por medalha”, disso.

 

 

“São vários fatores que influenciam em uma prova. Ela (Isinbayeva) mesmo errou muito em Mônaco e foi eliminada. Mas, isso não tira o seu favoritismo. Ela é uma referência no esporte e chega como favorita”, completou o técnico de Murer, Élson Miranda, que estava sentada ao seu lado durante a entrevista coletiva.

 

 

 

 

 

 

 

 

O TEMPO

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.