quinta-feira, 25 de Outubro de 2012 06:18h Luciano Eurides

Flamengo perde para o Atlético no Mendes Mourão

O time divinopolitano não resistiu e perdeu por 1x0, resultado que não pode ser considerado ruim pela qualidade do adversário.

O Flamengo recebeu no último final de semana a forte equipe do Atlético Mineiro, em partida válida pelo Campeonato do Instituto Mineiro de Escolinhas de Futebol (Imef). O time divinopolitano não resistiu e perdeu por 1x0, resultado que não pode ser considerado ruim pela qualidade do adversário.

 


O jogo foi muito bom, do inicio ao fim, o Flamengo marcando e conseguindo sair com a bola. A primeira grande chance foi do Flamengo, com Romário que desperdiçou grande oportunidade. Yuri em cobrança de falta assustou o goleiro atleticano. Aos 22 minutos de jogo o atleta Anderson, do Atlético Mineiro, conseguiu se livrar da marcação, girou e chutou rasteiro, a bola tocou no poste e entrou, fazendo 1x0.

 


No segundo tempo o Flamengo recomeçou bem, mas as contusões e modificações que Alessandro Rocha, treinador do Rubro se viu obrigado a fazer, obrigou a equipe a se resguardar mais. Bernardo, já estava jogando no sacrifício com um inchaço no tornozelo, não resistiu e foi substituído, Tulinho entrou em campo como atacante, Romário foi recuado para o meio e Yuri fez a lateral da esquerda. Logo depois foi a vez de Cachorro, ala da direita deixar o campo também sentindo uma contusão e as saídas de bola ficaram ainda mais difíceis. O goleiro Styvem fez ótimas defesas garantindo o placar mínimo.

 


O atleta rubro negro Yuri avaliou a partida de forma positiva. “Jogo difícil frente uma equipe que treina todos os dias da semana, sol que não favoreceu muito, estamos na briga e vamos lutar até o final para conseguirmos a vaga nas oitavas. Quando se tratando de um time como o Atlético nossa defesa se portou bem, mas infelizmente as chances que tivemos não conseguimos colocar para dentro, futebol é assim mesmo, tem sorte, competência, treinamento e vamos continuar treinando e sempre melhorar. Uma das minhas características é jogar em várias posições e tento ajudar a equipe, sendo no meio, volante, lateral a função é ajudar a equipe”, falou.

 


O treinador Alessandro Rocha destacou o diferencial entre uma equipe profissional e ressaltou o empenho dos jogadores da cidade. “Eu acredito que foi um bom resultado, criamos oportunidade de gol, perdemos dois gols incríveis que não se pode perder frente uma equipe qualificada como essa. Saímos de cabeça erguida e com o sentimento de que poderíamos ter o resultado positivo. O Bernardo é um jogador diferenciado, temos um esquema tático em cima dele e os dois laterais sentiram (Bernardo e Cachorro) e fiz as duas substituições improvisando volantes nas laterais e com isso perdemos a velocidade na lateral do campo”, considerou.

 


Para o jogador divinopolitano Lucas Rodrigues que defende a equipe do Atlético Mineiro, a partida não foi especial, mesmo sendo a primeira vez que atuou contra o Flamengo, equipe que por tanto tempo atuou. “Primeira vez que joguei contra o Flamengo e nada de especial apenas ter respeito, foi um jogo difícil e venceu o melhor”, falou.

 


O Flamengo iniciou o jogo com Styvem, Bernardo, Vinícius, Luiz Fernando, Cachorro, Yuri, Tulio Lacerda, Tulio Machado, Lucas, Romário e Caio.

 

MIRIM

 


Os atletas da categoria 99 demoraram a entrar no ritmo do jogo, o Napoli começou vencendo, e quando todos esperavam uma reação da equipe da cidade, o time visitante encaixou um bom contra ataque e Daivison marcou o segundo gol dele no jogo. Somente depois do susto o time Rubro Negro acordou para o jogo, Dadinho aproveitou a cobrança de escanteio feita por Guigui, a bola tocou no poste e sobrou para Dadinho completar para o gol.

 


O atleta Dadinho avaliou a partida. “O time não jogou bem, temos de lutar e ganhar do Riachinho e Ferroviário. Nosso time está falhando no ataque e na defesa, temos de aprimorar isso nos treinamentos”, falou.

 


O próximo compromisso é contra o Riachinho, dia 4 de Novembro, em Belo Horizonte.

 

PRÉ-INFANTIL

 


O jogo começou muito igual e o Flamengo perdia a posse de bola com passes errados, isso dava oportunidades para o Napoli. Foi a equipe ter calma e o gols saíram e a vitória por 3x0, com direito a poupar jogadores para a Copa Eletrodil. Poeta recebeu de Jonas e fez 1x0. Mateus marcou o gol dele e Poeta retribuiu para Jonas que fez o terceiro. A equipe nem sequer se trocou e seguiu para o Campo do Vasco onde venceu por 4x2.

 


O atleta Tales contou que houve a solicitação do comando técnico para diminuir o ritmo e assim se poupar para a partida em sequencia. “Havíamos perdido um jogo fácil e não conseguimos fazer o gol, a equipe se uniu e demos a volta por cima. Tínhamos conseguido o resultado e começamos poupar um pouco para o próximo jogo”, declarou.

 


O treinador Paulinho confirmou a ordem de minimizar os esforços e ainda disse que a escalação e substituições realizadas visaram o segundo compromisso. “Algumas substituições que são raras de serem feitas, como Jonas e Henrique, e mesmo o Poeta é para poupar sim, estamos compromissados”, disse.

 


A boa notícia ficou por conta de André Maluco, o atacante foi punido pela má conduta na Copa Eletrodil, acatou a punição, treinou com o time, ficou na reserva, entrou no jogo e segue feliz a carreira dele mostrando que pode dar a volta por cima. “Acho que tenho de pensar no meu futuro, esse passado tem de esquecer, temos ainda um jogo contra o Vasco da Gama e ainda tenho um pouco de dificuldade, mas com o tempo o entrosamento acontece”, falou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.