quinta-feira, 10 de Outubro de 2013 09:23h Luciano Eurides

Flamengo realizou maratona de jogos pela Imef

O Flamengo teve seis jogos válidos pelo Instituto Mineiro de Escolinhas de Futebol (Imef), sendo três contra o Comercial e três contra o Fox Congonhas. Contra o Comercial a categoria 2003 venceu por 1x0, gol de Vitor. A categoria 2002, empatou em 2x2. A 2

O Flamengo teve seis jogos válidos pelo Instituto Mineiro de Escolinhas de Futebol (Imef), sendo três contra o Comercial e três contra o Fox Congonhas. Contra o Comercial a categoria 2003 venceu por 1x0, gol de Vitor. A categoria 2002, empatou em 2x2. A 2001, perdeu por 3x0. Já contra o Fox Congonhas a 2000 venceu 3x0, a 99 venceu por 4x1 e a 98 empatou sem gols.
A categoria 2002 do Flamengo e Comercial fizeram um grande jogo. O time de Belo Horizonte abriu o placar com dois minutos de jogo, Marcos marcou o gol do time visitante. O Flamengo empatou com Wellington aos seis minutos e aos 20, Diogo fez o gol da virada. A partida muito bem jogada até o final, quando nos minutos restantes o Comercial conseguiu um contra ataque e fez 2x2. Já na 2001, o Comercial melhor esteve melhor em campo, já no primeiro ataque levou perigo ao gol defendido por Julio. Os jogadores de defesa não ajudavam o goleiro e o time do Comercial abriu o placar em uma cobrança de pênalti. Aos 15, nova infiltração do Comercial e Júlio foi obrigado a derrubar o adversário na área, pênalti marcado e o segundo gol do Comercial. No segundo tempo o adversário ainda aumentou o marcador, fazendo 3x0.
A categoria 2000 não teve dificuldade alguma em vencer o Fox Congonhas por 3x0. O Flamengo jogou muito a vontade e ainda Vinícius se deu ao luxo de perder um gol incrível logo no primeiro lance da partida. O time Rubro Negro continuou atacando e Vinícius fez um golaço. No segundo tempo novamente domínio total do time da casa e Tardelli, de fora da área, fez 2x0. Bruno marcou o terceiro para o Flamengo. O goleiro Breno, pouco trabalhou na partida e elogiou a defesa da equipe. “Deu para fazer o básico e lutamos até o final e tivemos apenas algumas deficiências e agora é colocar a bola no chão e seguir para os próximos dois jogos. Trabalhar pouco no jogo é sinal que a defesa se conscientizou e está jogando bem, mas todo goleiro quer ter oportunidade de fazer boas defesas”, disse.
Os atletas da categoria 99 também não encontraram dificuldades em vencer por 4x1. Dadinho, Chicletinho, Caio e Lucas fizeram os gols. André, um dos atletas que vem se destacando ao longo do ano falou da partida: “O treinador pediu qualidade no toque de bola e por isso o resultado foi bom, um resultado que não podemos deixar de lado e a partir disto termos confiança para buscar outras vitórias”, disse. Já Chicletinho elogiou o meio campo da equipe do Flamengo: “Conseguimos sobressair no meio, tivemos um bom posicionamento naquele espaço e fomos superiores, o resultado muito bom e demonstramos uma condição melhor que o adversário”, comentou.
Para fechar a maratona de jogos a categoria 98 entrou em campo com um misto de infantil e pré-infantil. A equipe desfalcada demorou a entrar no ritmo do jogo. Os atletas 99 em campo corresponderam à altura, mas o adversário também tinha qualidade. No final empate sem gols, importante também pela apresentação de Artur, o novo atacante do Flamengo arrancou elogios. “O pessoal é tudo gente boa, todos me receberam muito bem, o jogo foi exaustivo, a equipe deles marcou muito em cima e lutamos até o final. Veremos se no próximo jogo conseguimos sair com a vitória”, admitiu.
As categorias 2000, 99 e 98 encaram o Frigoarnaldo, em Contagem na manhã do próximo sábado. Já as categorias 2001, 2002 e 2003 recebem o Napoli, dia 19, no estádio Mendes Mourão.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.