quinta-feira, 29 de Novembro de 2012 08:20h Luciano Eurides

Galinho vence o Bahia

Com o apoio de mais de 12 mil torcedores, o time júnior do Atlético venceu o Bahia por 2 a 0, na noite desta terça-feira, no Estádio Independência, no jogo de ida da semifinal da Copa Brasil Sub-20. Os gols foram marcados por Paulinho e Jesiel.
Desde o início da partida, o Atlético esteve melhor em campo e criando oportunidades de gol. Aos 15 minutos do 1º tempo, o meia Dodô deu ótimo passe para Paulinho chutar cruzado e abrir o placar.
Na segunda etapa, o Galinho continuou melhor, envolvendo o adversário. Aos 16 minutos, o zagueiro Jesiel escorou de cabeça uma cobrança de falta e definiu o resultado. O público pagante foi de 12.179.
O técnico Rogério Micale comentou a presença da torcida e falou sobre a partida: “Foi inesquecível. A torcida nos apoiou o tempo todo e o time correspondeu em campo. Conseguimos fazer dois gols, que nos dá uma condição boa para o jogo de volta. A torcida foi o diferencial. Os jogadores conseguiram controlar a ansiedade, estão evoluindo e fizeram um bom jogo. Estão em processo de amadurecimento. Agora vamos buscar a vaga para a final, que já vai nos garantir na Libertadores ano que vem, e queremos o título que será muito importante para todos nós”. “Criamos inúmeras chances e poderíamos ter feito mais gols. Mas está bom. O Bahia é uma equipe qualificada. Não seria fácil. Tivemos um domínio bom da partida. Se tivesse que sair um vencedor, teria que ser o Galo, como foi. Esse resultado nos dá tranqüilidade para buscar a vaga em Salvador”.
O treinador escalou a equipe com Paulo Victor; Jean Pablo (Thiago), Jesiel, Donato e Roger; Rafael Vitor, Lucas Cândido, Paulinho (Marcos Vinícius) e Dodô (Henrique); Carlos e Rafael Souza.
A decisão da vaga para a final será na próxima terça-feira, às 20h30, no Estádio de Pituaçu, em Salvador. Com a vantagem, o Alvinegro joga podendo perder até por um gol de diferença. O classificado do confronto faz a final contra o vencedor de Grêmio e Vitória.

Profissional
Novamente à disposição do técnico Cuca depois de ter cumprido suspensão na vitória por 3 a 2 sobre o Botafogo, o lateral-direito Marcos Rocha espera fechar a temporada vencendo o rival no clássico deste domingo, no Independência.
A vitória garante vaga na segunda fase da Copa Libertadores da América. “Temos que terminar o ano vencendo para coroar todo o trabalho que fizemos. Então, precisamos nos preparar bem durante semana e ter frieza porque a gente sabe que é um clássico, um jogo difícil, que pode ser decidido em detalhes”, comentou o jogador. “Queremos buscar o segundo lugar para conseguir essa vaga direta na fase de grupos da Libertadores. Temos que fazer a nossa parte para que a gente possa ser coroado no final”, acrescentou Marcos Rocha, que esteve na última convocação para a Seleção Brasileira, ao lado do meia Bernard e dos zagueiros Réver e Leonardo Silva.
 

Leia Também

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.