sábado, 1 de Outubro de 2011 18:46h Luciano Eurides

Galo sem Leonardo Silva e Neto Berola

O técnico Cuca comandou um trabalho tático na tarde de ontem, na Cidade do Galo, no penúltimo treino antes do jogo contra o Ceará, pela 27ª rodada do Brasileirão. A partida será disputada às 16h deste domingo, na Arena do Jacaré, em Sete Lagoas.


O atacante Neto Berola, com dores no tornozelo direito, e o zagueiro Leonardo Silva, com dores na região anterior da coxa esquerda, não participaram da atividade. Os jogadores ficaram em tratamento e são dúvidas para domingo.
A equipe treinou com Giovanni; Carlos César, Lima, Werley e Triguinho; Fillipe Soutto, Pierre, Bernard e Daniel Carvalho; Magno Alves e André.


O goleiro Renan Ribeiro retomará as atividades normais na próxima terça-feira, na reapresentação do elenco após o jogo contra o time cearense.


Os atacantes Marquinhos e Guilherme já se encontram em fase de transição da fisioterapia para a preparação física.
Para derrotar o seu primeiro adversário da série, o Galo contará com Magno Alves, exímio conhecedor do time nordestino. Depois de sete temporadas longe do futebol brasileiro, o atacante retornou ao país em julho do ano passado. Em 20 jogos pelo clube de Fortaleza, marcou nove gols e foi um dos destaques da edição passada do Campeonato Brasileiro.


As atuações com a camisa do Vozão bastaram para o jogador despertar o interesse do Alvinegro Mineiro, que fechou com o atleta no início de 2011. No reencontro com seu antigo clube, neste fim de semana, Magno Alves quer aproveitar seu conhecimento sobre o Ceará para garantir um triunfo ao Galo. O atacante, no entanto, espera que o Atlético consiga colocar todas suas dicas em prática. “Temos de começar a recuperação no Brasileiro pelo jogo contra o Ceará. Hoje, estou aqui no Galo. Então, vou procurar dar o meu melhor pelo meu clube. Já conheço bem a equipe deles, mas não é fácil assim. Temos que saber usar o conhecimento para colocarmos em prática. O importante é o que faremos dentro das quatro linhas. Agora, temos de fazer a nossa parte”, disse.


Artilheiro do Galo na atual temporada, com 17 gols assinalados, Magnata conta o que sabe da equipe cearense. Contudo, o atacante acredita que esse não é um momento para apontar as qualidades do adversário, mas sim de buscar um acerto dentro de campo. Para ele, a situação atleticana não permite vacilos no confronto. “É um time que joga bem fechado quando está fora de casa. Creio que são três volantes. Não é falando a escalação deles, mas é que jogamos lá no primeiro turno. É um time que toca bem a bola e se comporta bem tanto dentro quanto fora de casa e temos que tomar muito cuidado. Estamos vivendo uma situação em que não podemos vacilar mais”, comentou.

© 2009-2017. Todos direitos reservados a Gazeta do Oeste. Este material não pode ser publicado, transmitido por broadcast, reescrito ou redistribuído sem autorização.